Votos de Marina estão em Estados 'dilmistas' mas Aécio tem redutos

Saiba onde estão os principais contingentes de "marineiros", que serão "caçados" por tucanos e petistas neste segundo turno

iG Minas Gerais | Ricardo Corrêa e Lucas Ragazzi |

No primeiro turno, Dilma obteve 43,3 milhões de votos, Aécio obteve 34,9 milhões e Marina obteve 22 milhões
AP Photo
No primeiro turno, Dilma obteve 43,3 milhões de votos, Aécio obteve 34,9 milhões e Marina obteve 22 milhões

O candidato do PSDB, Aécio Neves, faz o cálculo de que pode obter pelo menos 70% dos votos de Marina Silva na segunda etapa da disputa, para que possa superar a presidente Dilma Rousseff. No primeiro turno, a petista obteve 43,3 milhões de votos, contra 34,9 milhões de Aécio. Assim, se conseguir sete em cada dez votos de Marina, agregaria ao seu resultado mais cerca de 15,5 milhões de votos. Somados aos que já tem, o tucano terminaria a eleição no segundo turno, em seu cenário ideal, com 50,4 milhões de votos. Se os outros 30% migrassem para Dilma, ela agregaria 6,6 milhões de votos ao seu resultado, alcançando 49,9 milhões de eleitores brasileiros.

Mas conseguir o que pretende não será fácil para Aécio. Sobretudo se considerarmos onde estão os votos de Marina Silva. Cerca de 12,4 milhões deles estão em áreas que, no primeiro turno, preferiram Dilma ao tucano. Na conta estão incluídos todos os Estados do Nordeste, Minas Gerais, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Amapá, Amazonas e Pará. Outros 9,7 milhões de votos de Marina estão em Estados que preferiram Aécio, incluindo São Paulo, Paraná, Santa Catarina, Espírito Santo, Mato Grosso do Sul, Mato Grosso, Goiás, Rondônia e Roraima, além do Distrito Federal.

Quatro estados, em especial, devem ter as atenções redobradas pelas duas campanhas: São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Pernambuco. Neles, mais de 12 milhões de votos de Marina estão disponíveis.

A presidente larga em vantagem em Minas, Rio e Pernambuco. Mas é uma vantagem relativa. Enquanto a presidente obteve 44,22% dos votos em Pernambuco, Aécio registrou apenas 5,92%. Era de se esperar, portanto, que Dilma tivesse ampla preferência nos votos marineiros de lá. O problema, para ela, é que o PSB e a família de Eduardo Campos estão hoje mais próximos de Aécio do que dela. NO dia 5 de outubro, 2,3 milhões de pernambucanos votaram em Marina. Só em Recife, foram 578 mil votos para ela.

Em Minas Gerais, a votação de Marina foi menor. Ainda assim, pelo tamanho do eleitorado, o Estado fornece 1,55 milhões de votos dela para os dois concorrentes que sobraram na disputa. Em tese, Dilma leva a vantagem. Ela obteve 43,48% dos votos no Estado, enquanto Aécio somou 39,75%. O tucano pode ter mais facilidade de conseguir os 238 mil votos marineiros em Belo Horizonte, onde o PSDB venceu por boa margem: 53% a 25%.

O caso do Rio de Janeiro também revela boas e más notícias para os dois lados. Dilma venceu Aécio no Estado, tendo obtido 35,62% dos votos, contra 26,93% do tucano. E, por lá, estão 2,6 milhões de eleitores que optaram por Marina. A questão é que praticamente 1 milhão desses estão na capital, onde Aécio equilibrou e terminou alguns milhares de votos na frente da presidente. Marina também venceu em toda a Região dos Lagos.

O caso de São Paulo é o mais favorável a Aécio. São 5,77 milhões de votos de Marina em uma unidade da Federação em que 44,22% optaram pelo tucano, e apenas 24,82% ficaram com a petista. Desses, 1,488 estão na cidade de São Paulo.

ONDE ESTÃO OS VOTOS DE MARINA?

Estados em que Dilma venceu Aécio:

  • 2,6 milhões no Rio de Janeiro (Dilma 35,62% x Aécio 26,93%)
  • 2,3 milhões em Pernambuco (Dilma 44,22% x Aécio 5,92%)
  • 1,55 milhão em Minas Gerais (Dilma 43,48% x Aécio 39,75%)
  • 1,28 milhao na Bahia (Dilma 61,44% x Aécio 18,28%)
  • 732 mil no Rio Grande do Sul (Dilma 43,21% x Aécio 41,42%)
  • 638 mil no Ceará (Dilma 68,30% x Aécio 14,97%) 
  • 627 mil no Pará (Dilma 53,18% x Aécio 27,57%)
  • 534 mil no Maranhão (Dilma 69,56% x Aécio 11,62%)
  • 393 mil na Paraíba (Dilma 55,61% x Aécio 23,38%
  • 361 mil no Amazonas (Dilma 54,54% x Aécio 19,41%)
  • 356,6 mil em Alagoas (Dilma 49.94% x Aécio 22,12%)
  • 286 mil no Rio Grande do Norte (Dilma 60,06% x Aécio 19,82%)
  • 246,1 mil no Piauí (Dilma 60,61% x Aécio 13,84%)
  • 203,1 mil em Sergipe (Dilma 54,93% x Aécio 22,68%)
  • 150,5 mil no Tocantins (Dilma 50,24% x Aécio 27,67%)
  • 77,7 mil no Amapá (Dilma 51,10% x Aécio 25,44%)
  • TOTAL: 12,4 milhões de votos
  • Estados em que Aécio venceu Dilma:

  • 5,77 milhões em São Paulo (Aécio 44,22% x Dilma 25,82%)
  • 860 mil votos no Paraná (Aécio 49,79% x Dilma 32,54%)
  • 771 mil em Goiás (Aécio 41,55% x D 32,10%)
  • 567 mil no Espírito Santo (Aécio 35,12% x Dilma 33,12%)
  • 563,8 mil no Distrito Federal (Aécio 44,47% x Dilma 49,53%)
  • 475 mil em Santa Catarina (Aécio 52,89% x Dilma 30,76%)
  • 257,8 mil em Mato Grosso do Sul (Aécio 41,31% x Dilma 37,51%)
  • 219,9 mil em Mato Grosso (Aécio 44,47% x Dilma 32,10%)
  • 86,1 mil em Rondonia (Aécio 44,91% x Dilma 41,70%)
  • 46,9 mil no Roraima (Aécio 43,63% x Dilma 33,20%)
  • TOTAL: 9,7 milhões de votos

    Leia tudo sobre: eleiçõespolíticadilmaaéciomarina