Brincadeira de criança

Dia das crianças tem programação estendida por todo o mês de outubro

iG Minas Gerais | Felipe Bueno |

Vale Verde / Divulgação
undefined

A infância é uma fase constantemente romanceada pelos escritores. Casimiro de Abreu descreveu, em uma de suas poesias, esse período da vida como belos dias aqueles do despontar da existência. Na delicada referência aos anos que, para ele, foram os melhores da sua vida, o poeta demonstra profunda nostalgia. Não é diferente com boa parte dos adultos. A vida livre, sem compromissos sérios, e toda inocência que envolve essa experiência faz com que as pessoas sintam saudade do que viveram.

Nesta fase, o vigor, a curiosidade e interesse por tudo ao redor - afinal, muita coisa ainda é novidade - são elementos que dão tônica ao cotidiano das crianças. Brincar, aprender, pular, correr, questionar são os verbos mais conjugados quando ação envolve os pequenos. A data 12 de outubro é um dia importante, para as crianças celebrarem esse momento e os adultos liberam o lado lúdico que, na pressa do dia, fica escondido.

Como parte das comemorações, o parque ecológico Vale Verde, na cidade de Betim, preparou uma programação especial, recheada de diversão, para esse público. A garotada vai poder participar de oficinas de desenho, com tintas ecológicas, além de participar de diversas oficinas, como a do Zé Cabelinho, com o boneco ZeCa, que ensinará o ciclo de vida dos vegetais e a preservar a natureza. O aprendizado e lazer estarão garantidos. Haverá, também, na semana das crianças, a pratica de brincadeiras antigas, como rouba bandeira, passa anel , queimada, dança da cadeira e bolinha de gude.

Em Belo Horizonte, museus e centros culturais promovem, ao longo do mês de outubro, atividades voltadas para o público infantil. Brincadeiras populares, visitas guiadas, oficinas de pintura, estilismo e apresentações de artes cênicas disputarão a agenda da criançada. A Casa do Baile receberá neste sábado (11) o Grupo Girau, que desenvolverá a oficia "Brincadeiras para girar e cantar". A atividade consiste em brincadeiras antigas como de roda, amarelinha, palmas e cantigas, pião, pula corda, e esconde-esconde.

Para quem gosta de palhaços, o espetáculo Sinal Verde, do Grupo Circo Alônico, é uma boa pedida, e promete despertar boas gargalhadas. A apresentação, que se vale da linguagem circense, malabarismos e acrobacias, será no centro cultural Jardim Guanabara, nos dias 10, 11, 17, 19, 22 e 25. Muitos outros pontos da capital mineira contarão com programação voltada para o público infantil. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave