Melo avança e Soares é eliminado nas duplas em Xangai

O brasileiro e a sua dupla, o croata Ivan Dodig dispararam seis aces na partida e converteram um break point no primeiro set na partida desta quinta

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Marcelo Melo e Ivan Dodig são cabeça de chave número 4 no Aberto da Austrália
Divulgação/Vipcomm
Marcelo Melo e Ivan Dodig são cabeça de chave número 4 no Aberto da Austrália

Os duplistas brasileiros tiveram destinos diferentes nesta quinta-feira no Masters 1000 de Xangai, na China. Enquanto Marcelo Melo, ao lado do croata Ivan Dodig, avançou na sua partida de estreia, Bruno Soares, em parceria com o austríaco Alexander Peya, foi eliminado nas quartas de final.

Vice-campeões do Torneio de Tóquio no último fim de semana, Melo e Dodig começaram bem a defesa do título de 2013 do Masters 1000 chinês, disputado sob piso rápido. Nesta quinta-feira, os cabeças de chave número 4 derrotaram o norte-americano Scott Lipsky e o colombiano Santiago Giraldo por 2 sets a 1, com parciais de 6/3, 3/6 e 10/6, em 1 hora e 7 minutos.

Dodig e Melo dispararam seis aces na partida, converteram um break point no primeiro set e venceram a parcial sem ter o serviço ameaçado. Lipsky e Giraldo deram o troco no segundo set, mas caíram no match tie-break.

Sétima melhor dupla da temporada, Melo e Dodig voltam a entrar em quadra nesta sexta-feira, quando vão buscar uma vaga nas semifinais em Xangai em duelo com o indiano Rohan Bopanna e o romeno Florin Mergea, que nesta quinta-feira superaram o canadense Vasek Pospisil e o norte-americano Jack Sock (2/6, 6/3 e 11/9).

Já Soares e Peya, que compõem a terceira melhor dupla de 2014, caíram nas quartas de final, nesta quinta-feira. O brasileiro e o austríaco, cabeças de chave número 3, perderam, de virada para os atuais campeões de Roland Garros, os franceses Edouard Roger-Vasselin e Julien Benneteau, por 2 sets a 1, com parciais de 3/6, 6/3 e 10/7, em 1 hora e 12 minutos.

Soares e Peya converteram um break point no primeiro set para vencê-lo, mas perderam o segundo da mesma forma. Depois, os franceses venceram o match tie-break, se vingando da derrota no confronto anterior, no Masters 1000 de Miami deste ano.

Apesar da eliminação, Soares e Peya já estão assegurados pelo segundo ano consecutivo no ATP Finals, em Londres, torneio que reunirá as oito melhores duplas da temporada. A vaga foi garantida na quarta-feira, quando eles derrotaram o norte-americano Eric Butorac e o sul-africano Raven Klaasen na estreia em Xangai.