Festival Literário de Araxá começa sua terceira edição hoje

Programação busca se diferenciar de outras feiras por seu diálogo com outros segmentos artísticos

iG Minas Gerais | gustavo rocha |

O contista Luiz Vilela será o escritor homenageado do Fliaraxá
JACKSON ROMANELLI/DIVULGAÇÃO
O contista Luiz Vilela será o escritor homenageado do Fliaraxá

O mercado literário brasileiro ganhou, de uns tempos para cá, um aliado para divulgação do trabalho de nossos escritores e também para aproximá-los do seu potencial público: as feiras literárias. Eles se proliferam de norte a sul do país. Seguindo a linha, mas tentando criar diretrizes próprias, o Festival Literário de Araxá – Fliaraxá começa sua terceira edição hoje com o tema “Leitura para um Mundo Melhor”.

“Temos três diretrizes para tentar nos diferenciar nesse mundo gigantesco das feiras literárias, Brasil afora. Primeiro, essa curadoria temática que tenta abrigar nossos convidados. Não de uma maneira engessada. Não queríamos fazer com que os debates com os escritores fossem monotemático. Então, eles vão falar à vontade sobre seu trabalho aqui”, garante Afonso Borges, curador do Festival.

Outro aspecto importante, diferencial do encontro de Araxá, é a busca por um diálogo com outras expressões artísticas. “Temos uma programação pautada pela interdisciplinaridade, com o teatro, por exemplo, mas trazendo essa relação com o texto literário sempre”, aponta o curador. A peça “Poema Bar”, com Alexandre Borges e João Vasco, inspirada na obras de Vinicius de Moraes e Fernando Pessoa, é um bom exemplo.

Um dos pontos altos da programação deste ano é a exposição, inédita no Brasil, do fotógrafo de reconhecimento mundial, argentino, radicado na França, Daniel Mordizinski, que dedica-se a fotografar escritores há 35 anos. Serão 70 fotografias dos mais importantes autores clicados por ele (Gabriel García Márquez, Jorge Luis Borges, Mario Vargas Llosa, Eduardo Galeano, dentre outros), em quartos de hotel; em homenagem aos 70 anos do Grande Hotel Tauá de Araxá. A novidade para a terceira edição do Fliaraxá é uma parceria com o Hay Festival, feira literária que tem edições por várias cidades em todo o mundo.

“Receberemos gente de várias partes do país, mas é importante destacar que temos uma relação muito interessante com a cidade, que nos abraçou. Escutei a história de uma menina que disse que guardaria sua mesada porque este mês teria a Fliaraxá”, comenta o curador.

O homenageado da edição será o contista mineiro Luiz Vilela e a Feira terá a participação de Affonso Romano de Sant’Anna, Eliane Brum, Elisa Freixo, Eric Nepomuceno, Fabrício Carpinejar, Jacques Fux, Luiz Ruffato, Marcelino Freire, Marcia Tiburi e vários outros.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave