Djokovic vence fácil na estreia do Masters de Xangai

Número 1 do mundo derrotou o austríaco Dominic Thiem, por 2 sets a 0

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Djokovic celebra vitória épica sobre Del Potro na semifinal
Divulgação / ATP
Djokovic celebra vitória épica sobre Del Potro na semifinal

O sérvio Novak Djokovic não teve maiores problemas para confirmar o seu favoritismo na estreia do Masters 1000 de Xangai nesta quarta-feira, na China. O tenista número 1 do mundo venceu o austríaco Dominic Thiem por 2 sets a 0, com parciais de 6/3 e 6/4, em duelo válido já pela segunda rodada, e assim assegurou classificação às oitavas de final.

Após liquidar o atual 39º colocado do ranking da ATP em uma hora e 28 minutos em quadra, Djokovic terá pela frente na próxima fase o casaque Mijail Kukushkin, que na última terça superou o sul-africano Kevin Anderson por 6/4 e 6/2.

Campeão do ATP 500 de Pequim no último domingo, o sérvio confirmou todos os seus saques sem oferecer chances de quebra a Thiem no primeiro set e, ao converter um de cinco break points, abriu vantagem para depois fechar a parcial em 6/3.

Em seguida, mais uma vez sem ter o serviço quebrado, Djokovic aproveitou uma de três oportunidades de quebra para fazer o 6/4 que liquidou o confronto, que foi o primeiro travado pelo líder da ATP com o rival austríaco.

FERRER PEGARÁ MURRAY - Outros dois favoritos que asseguraram classificação às oitavas de final nesta quarta foram David Ferrer e Tomas Berdych, respectivos quinto e sexto cabeças de chave. O espanhol sofreu, mas superou o eslovaco Martin Klizan por 2 sets a 1, de virada, com 4/6, 7/6 (7/4) e 6/4. Já o checo arrasou o francês Richard Gasquet por 6/3 e 6/1.

Com o triunfo desta quarta, Ferrer irá travar um interessante duelo com o britânico Andy Murray, 11º cabeça de chave e ex-líder do ranking mundial, na próxima fase. O escocês seguiu em frente no torneio ao bater o polonês Jerzy Janowicz por 7/5 e 6/2. Berdych, por sua vez, terá como próximo adversário o croata Ivo Karlovic.

Já o japonês Kei Nishikori, sétimo cabeça de chave e atual vice-campeão do US Open, decepcionou ao cair na estreia diante do norte-americano Jack Sock, que venceu por 7/6 (7/5) e 6/4 para ir às oitavas de final. E o próximo rival do tenista dos Estados Unidos será outra surpresa do dia em Xangai. Trata-se do francês Julien Benneteau, que desbancou o búlgaro Grigor Dimitrov, 10º pré-classificado, com parciais de 7/5 e 6/3.

WAWRINKA CAI - Outro favorito que decepcionou em sua estreia no Masters de Xangai foi Stan Wawrinka. Quarto cabeça de chave, o suíço acabou surpreendido pelo francês Gilles Simon, que ganhou por 2 sets a 1, de virada, com 5/7, 7/5 e 6/4.

Com a expressiva vitória, Simon terá pela frente nas oitavas de final o tunisiano Malek Jaziri, que nesta quarta-feira arrasou o chinês Chuhan Wang por 6/0 e 6/4. No dia anterior, o tenista da casa havia surpreendido ao bater o italiano Fabio Fognini na estreia.

Outros dois tenistas que asseguraram classificação às oitavas de final em jogos já encerrados nesta quarta foram o russo Mikhail Youzhny e o espanhol Roberto Bautista. O primeiro deles avançou ao bater o croata Ivan Dodig por 2 sets a 1, com 7/6 (9/7), 6/7 (4/7) e 6/3. Já Bautista eliminou o canadense Vasek Pospisil com 7/6 (7/1), 3/6 e 6/4. Já o argentino Juan Monaco contou com a desistência o canadense Milos Raonic quando vencia o primeiro set por 5/2 para ir com facilidade às oitavas de final.