Em nota, Marina diz que definirá posição sobre segundo turno na quinta

Marina Silva e as demais lideranças dos partidos aliados participarão de encontro para construir um posicionamento comum da coligação

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Marina promete garantir matriz energética que acompanhe crescimento sem apagão
WILSON DIAS ABR
Marina promete garantir matriz energética que acompanhe crescimento sem apagão

Em terceiro lugar na disputa pela Presidência da República, Marina Silva (PSB) emitiu nota nesta terça-feira (7) em que afirma que anunciará sua posição sobre o segundo turno das eleições na quinta-feira (9).

"Na quinta-feira, dia 9, Marina Silva e as demais lideranças dos partidos aliados participarão de encontro para construir um posicionamento comum da coligação sobre a continuidade da disputa pela Presidência da República", diz o texto publicado na página da rede social Facebook da ex-candidata ao Planalto.

A nota diz ainda que os resultados de 5 de outubro "refletiram uma posição de insatisfação com as condições existentes no Brasil, expressando sentimentos de mudanças". Assim como o discurso público de Marina no domingo (5), em que disse que o Brasil "está cansado do que está aí", o texto é um aceno do apoio da ex-senadora à candidatura de Aécio Neves (PSDB).

Cortejada também pelo PT, Marina decidiu declarar apoio ao tucano, mas quer impor condições como a inclusão de pontos de seu programa de governo às propostas de Aécio, entre elas, a reforma política, com o fim da reeleição, ações de sustentabilidade, e educação de tempo integral.

A reunião de quinta-feira marcará a junção dos posicionamentos de todas as siglas da coligação. O PSB se reúne nesta quarta-feira (8), em Brasília. A Rede, grupo político de Marina, tem encontro marcado para esta terça.

No entanto, Marina já avisou a interlocutores que, se não houver entendimento entre os dois grupos, tomará uma posição individual pró-Aécio.

Confira a íntegra da nota:

"NOTA DE ESCLARECIMENTO DE MARINA SILVA EM RELAÇÃO AO 2º TURNO DA ELEIÇÃO PRESIDENCIAL

A ex-candidata à Presidência da República pela Coligação Unidos pelo Brasil, Marina Silva, vem a público reafirmar o processo definido pelos partidos que integram a aliança para contribuir para o debate do segundo turno da disputa presidencial:

1. Os resultados das eleições refletiram uma posição de insatisfação com as condições existentes no Brasil expressando sentimentos de mudanças 2. Os partidos da Coligação promoverão até amanhã, dia 8 de outubro, reuniões de suas instâncias deliberativas para definirem os pontos que consideram relevantes para a formulação de posicionamento conjunto das legendas aliadas 3. Na quinta-feira, dia 9, Marina Silva e as demais lideranças dos partidos aliados participarão de encontro para construir um posicionamento comum da Coligação sobre a continuidade da disputa pela Presidência da República 4. Marina Silva também contribuirá para a construção de uma posição da Rede Sustentabilidade nesse processo de unidade da Coligação 5. As opiniões individuais de cada partido, dirigentes e lideranças políticas das agremiações neste momento de construção devem ser respeitadas mas não refletem em nenhuma hipótese a opinião da ex-candidata

São Paulo, 7 de outubro de 2014. ASSESSORIA DE COMUNICAÇÃO DA COLIGAÇÃO UNIDOS PELO BRASIL"

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave