Suspeito de assassinato de adolescente se enforcou, diz polícia

A polícia anunciou nesta segunda-feira (6) que o corpo localizado num parque da cidade é mesmo de Arnis Zalkalns, de 41 anos, suspeito de ter matado garota de 14 anos

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

A polícia de Londres anunciou nesta segunda-feira (6) que o corpo localizado num parque da cidade é mesmo de Arnis Zalkalns, de 41 anos, um imigrante da Letônia, suspeito de ter matado a adolescente Alice Gross, 14.

As autoridades informaram também que os laudos apontam sinais de enforcamento, sem qualquer "envolvimento" de outra pessoa. Seu cadáver foi achado no último sábado (4) no Parque Boston Manor, perto de onde o corpo de Alice havia sido achado na noite de terça (30).

A morte da garota chocou o Reino Unido e provocou a maior operação de busca em Londres desde os atentados de 2005 no transporte público, que deixaram 52 mortos. Cerca de 600 oficiais, envolvendo detetives, peritos, entre outros especialistas, foram escalados para desvendar o caso.

Alice Gross desapareceu na tarde do dia 28 de agosto. Arnis Zalkalns foi declarado suspeito porque, segundo gravações de câmera de vigilância, aparece de bicicleta cruzando uma ponte 15 minutos depois de a jovem ter passado pelo mesmo local.

Ele ficou sete anos na prisão de seu país pelo assassinato da mulher em 1998, antes de se mudar para o Reino Unido, em 2007. Em Londres, vivia num quarto a poucos minutos de onde a garota foi vista pela última vez.

Zalkalns abandonou o local onde morava no dia 3 de setembro. A polícia não informou, por enquanto, se há algum detalhes sobre quando ele teria morrido. Esse tipo de caso que envolveu a morte de uma adolescente foge dos padrões do noticiário de Londres, o que levou a imprensa britânica e os próprios moradores a questionar a eficiência da famosa polícia local, a Scotland Yard.

A demora em localizar seu paradeiro se somou ao fato de o corpo ter sido achado na mesma área vasculhada nas últimas semanas --a 220 metros, por exemplo, do local onde sua mochila fora localizada depois do desaparecimento.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave