América tenta contra o Náutico melhorar aproveitamento fora de casa

o alviverde tem um aproveitamento de apenas 33,3%, com três vitórias, quatro empates e seis derrotas.

iG Minas Gerais | ANTÔNIO ANDERSON |

ALISSON GONTIJO/O TEMPO
undefined

Com se não bastasse as chances remotas de o clube terminar a Série B do Campeonato Brasileiro no grupo dos quatro primeiros colocados, o América ainda terá de superar o seu fraco desempenho como visitante na competição para tentar vencer o Náutico nesta terça-feira e manter o sonho do acesso. Longe de sua torcida, o alviverde tem um aproveitamento de apenas 33,3%, com três vitórias, quatro empates e seis derrotas.

Jogando como visitante, o América venceu Boa Esporte, Bragantino e Vila Nova-GO, empatou com Vasco, Santa Cruz, Sampaio Corrêa e Joinville, e perdeu para Atlético-GO, Portuguesa, América-RN, Icasa, Avaí e Ceará. Contra o Náutico, no jogo do turno, o América foi derrotado por 3 a 1. A partida foi realizada no Estádio Soares Azevedo, em Muriaé, e marcou uma tarde infeliz do goleiro Matheus, que falhou em dois gols.

Para buscar o resultado positivo contra o Náutico, o técnico Givanildo Oliveira espera que o América tenha uma postura igual a que teve nos jogos contra Vila Nova-GO e Joinville, quando conquistou quatro dos seis pontos que disputou longe de sua torcida. “Para chegar onde queremos, terá de ser assim. Empatamos em casa, deixamos de somar dois pontos, então terá que ser fora", declarou o treinador.

 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave