'Espero apoio de Marina em eventual 2º turno', diz FHC

"Tudo indica que Aécio vá para o segundo turno e ele ganhando, Marina terá de vir para o nosso lado", disse o ex-presidente

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

undefined

O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) afirmou neste domingo, 05, antes de votar em um colégio no bairro de Higienópolis, que espera o apoio de Marina Silva, candidata do PSB, em um eventual segundo turno. "Tudo indica que Aécio (presidenciável do PSDB, Aécio Neves) vá para o segundo turno e ele ganhando, Marina terá de vir para o nosso lado", destacou, ponderando, contudo que eleição não se vence na véspera, apenas no dia. E se Marina for para o segundo turno, ele disse que a recíproca também é verdadeira e ela terá o apoio dos tucanos.

Segundo o ex-presidente tucano, ao contrário do que diz a propaganda petista, o PSDB é quem pode manter os programas sociais, citando como exemplo as áreas da educação e transporte. "Sabemos como mexer na economia para continuar a crescer e manter as políticas sociais", emendou. Na sua avaliação, as pessoas devem ter consciência de quem é o adversário principal neste momento: "o PT, representado pela presidente Dilma."

Nas críticas à presidente e candidata à reeleição pelo PT, Fernando Henrique disse também que a política econômica dela está equivocada e se for mantida, a médio prazo quem vai sofrer é o povo porque isso afeta as políticas sociais. O ex-presidente tucano reiterou que Aécio demonstrou no último debate (da Globo) que tem perseverança e domina todos os temas, portanto, está preparado para governar o País. "Está na hora da gente dar uma virada no Brasil."

Estadão Conteúdo

Leia tudo sobre: fhcaéciomarinaeleições