Em Minas, nem todos candidatos cadastrados terão votos computados

Segundo o TRE, no Estado, 19 candidatos renunciaram e 10 tiveram o pedido de candidatura indeferido definitivamente

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

A situação jurídica de alguns candidatos mineiros os impedirá de receber votos nas eleições deste domingo (5). Apesar de Minas ter 1.735 candidatos nas urnas, os que terão votos válidos são 1.669. De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), 19 candidatos renunciaram e outros 10 tiveram o pedido de candidatura indeferido definitivamente. Na urna eletrônica, o nome deles aparecerá como votação zerada.

Já os 15 candidatos que tiveram os pedidos indeferidos pelo TRE, mas que ainda aguardam recursos do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), poderão ser votados normalmente, mas os votos dos candidatos aparecerão “zerados” no sistema oficial de divulgação da Justiça Eleitoral e serão computados como nulos.

Para conhecer a votação obtida por eles, totalizada à parte, deve-se acessar uma consulta específica do sistema de divulgação – a de “votação de candidatos indeferidos/cassados com recurso”.

No caso desses mesmos candidatos a deputado indeferidos com recurso, se o TSE não julgar os processos nos próximos dias, haverá a proclamação dos eleitos sem que os votos recebidos por eles sejam computados. Se a situação for revertida no TSE, nova proclamação dos resultados será feita pelo TRE, após  novos cálculos do quociente eleitoral e partidário.

Esses candidatos, mesmo indeferidos pelo TER, mas ainda sub judice, puderam, de acordo com as normas legais, fazer suas campanhas normalmente.

 

Com informações do TRE

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave