Preços voltam a subir em setembro nos supermercados

iG Minas Gerais | Da redação |

Após recuo em agosto, preços nos supermercados sobem
[CREDITO]Marcelo Camargo / ABr/1/9/2014
Após recuo em agosto, preços nos supermercados sobem

Produtos de alimentação e higiene, depois de terem registrado deflação em agosto, voltaram a subir em setembro, enquanto os artigos de limpeza mantiveram o comportamento de alta já verificado. É o que mostra pesquisa de preços de supermercados realizada entre os dias 1º e 2 de outubro pelo Procon da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG). O levantamento reúne os preços de 160 produtos em 16 estabelecimentos de Belo Horizonte e região.

A alta para os produtos de alimentação foi de 0,54% em relação à última pesquisa, feita exatamente um mês antes. Dos 106 itens analisados, 65 ficaram mais caros e 41 mais baratos. O levantamento mostra que o comportamento dos preços de determinados produtos não tem uma tendência clara, oscilando para baixo ou para cima dependendo da marca. Arroz, feijão, café, farinha de trigo, fubá e leite são exemplos disso. Somente no item açúcar houve queda de preço em todas as marcas pesquisadas.

Já entre os produtos de higiene, a alta média chegou a 3,04%, sendo que, dos 21 itens analisados, 15 ficaram mais caros e seis mais baratos. Uma marca de papel higiênico chegou a subir até 9,41% em relação à pesquisa anterior, enquanto um shampoo encareceu 7,61%. Dos 33 produtos de limpeza presentes na pesquisa, o aumento médio chegou a 1,06%, com 19 itens ficando mais caros.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave