Produção de petróleo e gás é recorde em agosto, segundo ANP

Somente a produção de petróleo registrou alta de 2,6% em relação a julho deste ano, chegando a uma produção diária de 2,326 milhões de barris

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Até julho, a produção da Petrobras tinha aumentado 1,5% na comparação com o mesmo período de 2013
Divulgação/Petrobras
Até julho, a produção da Petrobras tinha aumentado 1,5% na comparação com o mesmo período de 2013

A produção da petróleo e gás natural no país atingiu em agosto a marca de 2,89 milhões de barris de óleo equivalente (boe) por dia, a maior da história. A Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) divulgou nesta sexta-feira, (3), o balanço da produção para aquele mês, indicando alta de 2,5% em relação a julho. Somente a produção de petróleo registrou alta de 2,6% em relação a julho deste ano, chegando a uma produção diária de 2,326 milhões de barris. O volume representa uma alta de 15,7% em relação a agosto de 2013.

Ainda de acordo com a agência, a produção nas áreas do pré-sal registrou alta de 11% em agosto em relação a julho, totalizando 647 mil barris de óleo equivalente produzidos por dia. Desse volume, 533 mil barris foram de petróleo e 18,1 milhões de metros cúbicos de gás natural, diariamente. O novo recorde foi registrado a partir da produção de 35 poços nos campos de Baleia Azul, Baleia Franca, Jubarte, Barracuda, Caratinga, Linguado, Lula, Marlim Leste, Pampo, Sapinhoá, Trilha e nas áreas de Iara e Entorno de Iara.

Em agosto, a produção de gás natural foi 3,4% superior a de julho, com 90,9 milhões de metros cúbicos por dia. Na comparação com agosto de 2013, a alta foi de 18,1%. No mês, o aproveitamento de gás natural foi de 95%. A queima de gás no período foi de 4,549 milhões de metros cúbicos, uma alta de 1% em relação a julho. Segundo a ANP, a razão para esse aumento foi o comissionamento nas plataformas P-55 e P-62, ambas localizadas no campo de Roncador, na Bacia de Campos.

Roncador também foi o campo de maior produção de petróleo, com média de 287,8 mil barris diários. Já o principal campo produtor de gás natural foi Lula, na Bacia de Santos, com média de 7,5 milhões de metros cúbicos produzidos diariamente. Entre as plataformas, a P-52 registrou a maior produção, com 132 mil barris de boe produzidos por dia. Do total produzido no País em agosto, 91,8% foi extraído em campos operados pela Petrobras. A ANP tem registrado 308 campos sob concessão, operados por 23 empresas.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave