São-paulino Souza é punido pelo STJD e não joga no Sul

Volante fez críticas a arbitragem do clássico com o Corinthians e recebeu a suspensão; Denilson, Alvaro Pereira e Luis Fabiano também não enfrentam o Grêmio

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Souza disse que faltou malandragem ao time para segurar a vantagem
Rubens Chiri/saopaulofc.net
Souza disse que faltou malandragem ao time para segurar a vantagem

O volante Souza foi punido com uma partida de suspensão nesta sexta-feira pela quarta comissão disciplinar do Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD). Com isso, ele não poderá enfrentar o Grêmio, no sábado, sendo mais um dos desfalques do São Paulo, que não terá Denilson, Alvaro Pereira e Luis Fabiano, todos suspensos pelo terceiro amarelo.

Souza havia criticado a arbitragem após o clássico com o Corinthians, há duas semanas, quando o São Paulo perdeu por 3 a 2 e saiu reclamando principalmente de um pênalti mal marcado quando a bola bateu na mão de Antonio Carlos. Naquele jogo, Álvaro Pereira foi expulso, recebendo, nesta sexta, uma partida de suspensão - já cumprida.

Na avaliação dos auditores do STJD, porém, o jogador poderia ter evitado a polêmica com o árbitro Luiz Flávio de Oliveira. "Souza escapando hoje (sexta) de uma pena de pelo menos quatro partidas, vou ficar com o relator em uma partida. Entendo que apesar dessa cabeça quente, poderia ter pego uma pena maior. Jogador tem de jogar, depois da partida ficar de boca fechada. Sempre há a discussão normal do futebol", argumentou o auditor Wanderley Godoy Junior, acompanhando o voto dos colegas.

Sem poder atuar no sábado, Souza se apresenta no domingo à seleção brasileira. Ele perderá as partidas contra Atlético-PR e Atlético, pelo Brasileirão, e Huachipato (Chile), pela Copa Sul-Americana.

Com Souza e Denilson suspensos, o São Paulo deverá ter uma dupla de volantes inéditas na Arena Grêmio. Hudson, que chegou a jogar de lateral-direito na terça, contra o Huachipato, no Morumbi, será o primeiro volante, tendo a companhia de Michel Bastos, autor do gol da vitória contra os chilenos. Polivalente, desde que chegou Michel já foi lateral-esquerdo, atacante, meia e agora volante no time.