Chrysler anuncia recall por falhas no tanque de combustível

O chamado envolve 1.054 unidades do Cherokee (modelos 2002 a 2007) e 8.904 unidades do Grand Cherokee (modelos 1993 a 1998), segundo a companhia

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Bom desempenho fora de estrada do jipe acaba cobrando o seu preço ao rodar em ambientes urbanos
FERNANDO MIRAGAYA/CARTA Z NOTÍCIAS
Bom desempenho fora de estrada do jipe acaba cobrando o seu preço ao rodar em ambientes urbanos

A Chrysler Group do Brasil anunciou nesta sexta-feira (3) o recall de quase 10 mil veículos Jeep Cherokee e Grand Cherokee por problemas no tanque de combustível. O chamado envolve 1.054 unidades do Cherokee (modelos 2002 a 2007) e 8.904 unidades do Grand Cherokee (modelos 1993 a 1998), segundo a companhia.

Em um comunicado, a empresa informou aos consumidores que "existe uma remota possibilidade do tanque de combustível de seu veiculo não suportar uma colisão traseira", o que originaria fissuras e iniciaria o vazamento de combustível.

"Isso, na presença de uma fonte de ignição, pode ocasionar o início de combustão na parte inferior da carroceria dos veículos", disse a Chrysler. Os chassis envolvidos são de 1J4GL48K02W268544 a 1J4GL48KX7W686231 para Jeep Cherokee e de 1J4GZ58S6SC530105 a 8B4GZB8Y1W2802930 para Jeep Grand Cherokee.

REPARO A empresa convocou os proprietários para uma inspeção gratuita do veículo e, se necessário, instalação de barra de reforço. O tempo estimado de reparo é de 1h30.

Mais informações podem ser obtidas nos telefones 0800 703 7150 ou no site www.jeep.com.br.

FOLHAPRESS

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave