Dunga convoca Kaká para substituir Goulart

Meia do São Paulo retorna à seleção depois de um ano e meio, para enfrentar Argentina e Japão em amistosos

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Kaká espera clima de final no confronto entre Corinthians e São Paulo, no Itaquerão
SÃO PAULO/DIVULGAÇÃO
Kaká espera clima de final no confronto entre Corinthians e São Paulo, no Itaquerão

Após a confirmação de um estiramento na coxa esquerda do meia Ricardo Goulart do Cruzeiro, o técnico Dunga resolveu deixar o jogador de fora da seleção e convocou Kaká em seu lugar. O meia do São Paulo vem se destacando com boas atuações na temporada, e agora terá a chance de retornar à seleção canarinho, após um período de um ano e meio sem vestir a camisa verde e amarela. A última oportunidade do meia na seleção foi em março de 2013, quando o então técnico Luis Felipe Scolari o convocou para os amistosos contra Itália e Rússia.

No time de Dunga, Kaká vai compor o grupo que irá participar dos dois compromissos da seleção brasileira em outubro: o Superclássico das Américas contra a Argentina, no dia 10, em Pequim e o amistoso contra o Japão, no dia 14, em Cingapura.

Servindo à seleção, o meia vai desfalcar o São Paulo em três partidas, duas pelo Brasileirão e uma pela Sul-Americana. Pelo Campeonato Brasileiro, o Kaká não vai enfrentar o Atlético-PR, no dia 8, no Morumbi, nem o Galo, quatro dias depois, em jogo inicialmente marcado para o Independência. Depois, será problema para Muricy Ramalho contra o Huachipato, no Chile, dia 15, pelas oitavas de final da Copa sul-americana. "Nós sempre queremos que os nossos atletas sejam convocados. Eu já cumprimentei o Kaká pela convocação, foi muito merecida, e estamos torcendo para que no futuro outros jogadores também sejam chamados, como o Ganso, Pato, Kardec e o Denilson. Não temos incômodo nenhum com essa convocação", disse o vice de futebol, Ataíde Gil Guerreiro.

Por outro lado, o dirigente ficou na bronca pelo fato do Campeonato Brasileiro não ser interrompido em épocas de amistosos. "O que reclamamos é a desorganização na CBF, essa bagunça. O comando deveria estar no clube. Existe um desrespeito com datas Fifa e datas de eleição. Sei que a desorganização não é de agora, mas estamos na reta final do Brasileiro e da Sul-Americana e vamos ficar sem nossos atletas.

O jogador do São Paulo e os demais convocados se apresentam à seleção, no próximo domingo. A delegação pegará um voo na madrugada da segunda-feira, no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo, em direção a Dubai. De lá, o grupo embarca para a China.