Quase R$ 90 milhões de verba

Ministério da Cultura lança novos editais com foco no audiovisual até o fim do ano

iG Minas Gerais |

Juntas. Marta Suplicy destacou parceria entre Secretaria do Audiovisual e Ancine
Fabio Rodrigues Pozzebom/Agênci
Juntas. Marta Suplicy destacou parceria entre Secretaria do Audiovisual e Ancine

O Ministério da Cultura, por meio da Secretaria do Audiovisual e da Ancine, lançou na última terça-feira dois novos editais para longas-metragens independentes, um para filmes de baixo orçamento (de até R$ 1,8 milhão) e outro para documentários. O lançamento, que ocorreu em São Paulo, contou com a presença da ministra Marta Suplicy, do secretário do audiovisual, Mário Borgneth, e do presidente da Ancine, Manoel Rangel.

Ao todo, os dois editais somam R$ 22 milhões. Segundo Marta Suplicy, a soma foi alcançada por causa da aproximação do MinC com a Ancine, que foi quem aportou os recursos. “A gente fazia menorzinho, esses dois editais têm mais musculatura”, afirmou a ministra. “A formulação das políticas ficou junta, o que fez com que déssemos um salto enorme”. “Essas ações coordenadas vão usar recursos do Fundo Setorial do Audiovisual, gerido por um comitê gestor onde ambas as instituições têm assento”, explicou Borgneth.

O MinC também adiantou que outros dois editais devem sair até o final do ano. O primeiro é para promover a integração dos países de língua portuguesa (mais R$ 7 milhões) e será lançado no final deste mês, durante a visita do secretário de Estado da Cultura português, Jorge Barreto Xavier, ao Brasil. Entre as ações previstas, será produzido um programa semanal chamado “Nossa Língua”, que deverá ser exibido nas TVs públicas dos países da Comunidade dos Países de Língua Portuguesa. O segundo, que deve sair até dezembro, é de R$ 60 milhões e vai privilegiar a produção regional de animação, ficção e documentário para televisões públicas.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave