Ronaldo perde pênalti, mas Real Madrid vira sobre zebra búlgara

Como havia vencido o Basel, da Suíça, por 5 a 1, na estreia, clube merengue chegou a seis pontos, na liderança do Grupo B

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Jogadores do Real Madrid celebram importante vitória fora de casa
PÁGINA OFICIAL/FACEBOOK/DIVULGAÇÃO
Jogadores do Real Madrid celebram importante vitória fora de casa

O Real Madrid teve muito mais trabalho do que o esperado para passar pela zebra Ludogorets, nesta quarta-feira, na Bulgária, pela segunda rodada da fase de grupos da Liga dos Campeões. Saiu atrás, viu Cristiano Ronaldo perder um pênalti, mas conseguiu a virada por 2 a 1 graças a Benzema.

Como havia vencido o Basel, da Suíça, por 5 a 1, na estreia, o Real Madrid chegou a seis pontos, na liderança do Grupo B. Outro favorito da chave, o Liverpool estacionou nos três pontos ao perder dos suíços por 1 a 0, nesta quarta-feira, fora de casa.

Em Sofia, o técnico Carlo Ancelotti resolveu poupar Pepe, James Rodriguez e Benzema. Com Chicharito, Isco e Illarramendi entre os titulares, o Real parecia ter time para vencer fácil o Ludogorets. Só não contava que, logo aos 5 minutos, o brasileiro Marcelinho abrisse o placar.

O meia, que começou na base do São Paulo e passou pelo São Caetano aproveitou cobrança de escanteio, apareceu no segundo pau e mandou para o fundo do gol defendido por Casillas. Pouco depois, Cristiano Ronaldo teve a chance de empatar de pênalti, mas parou no goleiro Stoyanov.

Depois, aos 23, o português cavou pênalti na área, se jogando ao trombar com um zagueiro. Desta vez ele aproveitou e empatou. Assim, marcou seu 69.º gol na Liga dos Campeões, ficando a dois de igualar Raúl como maior de todos os tempos. Messi, logo atrás tem 68.

O Ludogorets seguiu fechado para segurar o Real e foi bem sucedido até Benzema, Kroos e James entrarem em campo. Aos 31 do segundo tempo, Marcelo cruzou, o zagueiro caiu sozinho na área e Benzema virou o placar.

No outro jogo do grupo, na Basileia, o Basel surpreendeu o favorito Liverpool com um gol de Streller, aos 7 minutos do segundo tempo, aproveitando rebote na pequena área após cobrança de escanteio. Foram os primeiros três pontos dos suíços, goleados pelo Real na estreia.