Tucano quer fazer revisão de subsídio

O presidenciável tucano disse que reiterava seu compromisso com a retomada do crescimento para levar de novo confiança à classe trabalhadora e resgatar os empregos que estavam indo embora

iG Minas Gerais |

São Paulo. O candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, afirmou, nesta segunda, que se eleito pretende discutir os subsídios concedidos pelo governo federal às montadoras. Em evento na Praça da Matriz, em São Bernardo do Campo, no ABC, berço de seu maior adversário, o PT, o tucano criticou a forma como a gestão petista concedeu esses benefícios.  

“Se eleito vou discutir todos os subsídios, os positivos que tiverem efeito na vida do trabalhador obviamente têm de ser mantidos, mas não da forma como vem sendo feito hoje. Onde os amigos do poder são beneficiados, enquanto o trabalhador e os cidadãos são penalizados”, declarou.

O presidenciável tucano disse que reiterava seu compromisso com a retomada do crescimento para levar de novo confiança à classe trabalhadora e resgatar os empregos que estavam indo embora. “Apenas no ABC ocorrem 100 demissões por dia e, nos últimos 12 meses, a indústria nacional demitiu mais de 80 mil trabalhadores porque o atual governo perdeu a capacidade de fazer o Brasil crescer”, criticou o tucano.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave