Falta ‘estrear’ contra o Timão

Clube paulista está no caminho do Galo na Copa do Brasil e será desafiante nesta quarta-feira

iG Minas Gerais | Felipe Ribeiro Fernando / Almeida Thiago Prata |

Chance de ouro. Em fase muito positiva, Tardelli pode ajudar o Galo e fazer pela primeira vez um gol no Corinthians pelo clube
LEO FONTES – 28.9.2014
Chance de ouro. Em fase muito positiva, Tardelli pode ajudar o Galo e fazer pela primeira vez um gol no Corinthians pelo clube

A qualidade e a técnica de jogadores tidos como diferenciados são capazes de destruir qualquer esquema tático imposto por uma equipe. Não que alguém vá ganhar um duelo sozinho, mas é desse tipo de atleta que se espera o improvável dentro de campo para ajudar o seu time a conquistar as vitórias. No Atlético, o homem que ostenta tal status atende pelo nome de Diego Tardelli, algoz de boa parte dos clubes do futebol brasileiro e que vai embalado para tentar um novo feito com a camisa do Galo.

O avante está em grande fase, tanto pelas jogadas de efeito quanto pelos gols. Nos últimos três embates do time mineiro, ele deixou sua marca quatro vezes. Nesta quarta, a torcida anseia que a estrela da companhia alvinegra volte a brilhar forte novamente, contra o Corinthians, na partida de ida das quartas de final da Copa do Brasil. O Timão, aliás, é uma das poucas agremiações da Série A que não sofreram gol do atleticano Tardelli, em quaisquer competições. Mais do que quebrar o tabu e ajudar o Galo, marcar um gol no Corinthians teria um forte valor simbólico. Isso porque seria um gol defendendo o clube que ele aprendeu a amar, sobre o clube que um dia ele amou, na época em que ainda era criança.

Dos 19 adversários do Atlético da atual edição da Primeira Divisão, DT9 só não marcou diante de Corinthians, Botafogo, Bahia, Figueirense e Criciúma.

O time que mais levou gols do craque alvinegro foi o Santos: foram nove tentos em oito partidas envolvendo Galo e Peixe. Em segundo lugar vem o arquirrival Cruzeiro, vítima de oito gols do matador. Tardelli, inclusive, estufou as redes desses dois times e também do Vitória nas três últimas rodadas do Brasileiro. Motivado pelos gols recentes, ele parte agora para o desafio de, enfim, anotar tentos em cima do Corinthians. “Estou me sentindo confiante e à vontade. É um momento único, e é preciso aproveitá-lo”, disse o camisa 9.

E os colegas de time confiam no poder de decisão de seu craque. “O Tardelli é o termômetro do nosso time, chama a responsabilidade e faz gols. Isso nos incentiva”, destacou o centroavante Jô.

O curioso é que, se por um lado Tardelli é carrasco de boa parte dos clubes do futebol brasileiro, por outro, é uma grande esperança do povo tupiniquim defendendo a seleção.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave