Estrangeiros brilham e dominam artilharia do Brasileirão

Os atacantes Marcelo Moreno do Cruzeiro, Barcos do Grêmio e Guerrero do Corinthians são os atletas estrangeiros que mais marcaram gols no Campeonato Brasileiro

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Marcelo Moreno Martins / Nascimento: 18/06/1987 / 32 jogos na temporada / Gols: 18 / Passes certos: 351 / Finalizações certas: 50 / Cartões amarelos: 1 / Cartões vermelhos: 1
douglas magno
Marcelo Moreno Martins / Nascimento: 18/06/1987 / 32 jogos na temporada / Gols: 18 / Passes certos: 351 / Finalizações certas: 50 / Cartões amarelos: 1 / Cartões vermelhos: 1

A cada ano que passa, é mais frequente ver jogadores estrangeiros brilhando no futebol do Brasil, com os argentinos Carlitos Tévez e Darío Conca sendo eleitos os craques do Campeonato Brasileiro em 2005 e 2010, respectivamente. Porém, em 2014, o "faro artilheiro" dos estrangeiro chama a atenção, a ponto de eles dominarem a lista de maiores goleadores do torneio nacional.

Um dos destaques do Cruzeiro, atual campeão brasileiro e grande candidato ao título em 2014, Marcelo Moreno parece que nasceu para jogar na equipe mineira. Depois de brilhar com a camisa do clube entre 2007 e 2008, ele foi negociado com o Shakhtar Donetsk, da Ucrânia. Após alguns anos de pouco destaque na Europa, retornou ao Brasil para defender Grêmio e Flamengo, onde também não foi bem. Agora, de volta ao Cruzeiro, o boliviano já marcou 12 gols no Brasileirão e comanda o melhor ataque da competição.

O vice-líder entre os artilheiros é o argentino Hernán Barcos. O atacante, que já fez 11 gols no torneio, assim como o cruzeirense Ricardo Goulart, e é mais do que fundamental para o Grêmio, pois é responsável por mais da metade dos gols da equipe no campeonato - o time gaúcho marcou 21.

Outro jogador que é chave para o seu time é Paolo Guerrero, do Corinthians. O peruano, herói do time na conquista do Mundial de Clubes de 2012, vive grande fase e, além de ter sete gols no Brasileirão, é um dos principais responsáveis por manter sua equipe entre as primeiras colocadas desde as primeiras rodadas.

Quem também contribui para os 83 gols marcados por jogadores estrangeiros no torneio nacional são os argentinos Darío Conca, do Fluminense, e Andrés D'Alessandro, do Internacional, com seis gols cada um, mesmo número de Pablo Zeballos, paraguaio da equipe do Botafogo. Eduardo da Silva, brasileiro naturalizado croata também contribui para a lista. O atacante do Flamengo, contratado após a Copa do Mundo, já balançou as redes cinco vezes no Brasileirão.