Tiroteio assusta moradores da Rocinha durante operação da polícia

O confronto aconteceu quando os policiais entravam na favela, por volta das 6h, para cumprir 51 mandados de prisão contra traficantes de drogas

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Uma intensa troca de tiros entre criminosos e policiais civis assustou moradores da Rocinha, em São Conrado, zona sul do Rio, no início da manhã desta segunda-feira (29). O confronto aconteceu quando os policiais entravam na favela, por volta das 6h, para cumprir 51 mandados de prisão contra traficantes de drogas.

Até as 9h, pelo menos seis suspeitos haviam sido presos e levados para a Cidade da Polícia, no Jacaré, zona norte carioca. Os nomes deles não foram divulgados. Segundo a polícia, não houve registro de apreensões ou feridos, mas o clima é tenso na favela.

Assustados, moradores que levavam os filhos para a escola correram para se proteger quando avistaram o helicóptero da Coordenadoria de Recursos Especiais (Core) da Polícia Civil sobrevoando a região.

Durante o tiroteio, a aeronave foi atingida por disparos e o piloto voltou para a base aérea na Lagoa, zona sul, por segurança. A polícia informou que ninguém ficou ferido porque o helicóptero é blindado.

No total, cerca de 120 policiais civis de delegacias locais e especializadas realizam a operação. Dos 51 mandados de prisão expedidos pela Justiça, 14 são de criminosos que já estão presos.

Leia tudo sobre: OperaçãoPolícia CivilRocinhaRio de Janeirotiroteiomoradorescriançasescolamandados