Ataque aéreo contra EI atinge refinaria na Síria

os bombardeios sacudiram prédios e lançaram chamas nas proximidades da fronteira com a Turquia

iG Minas Gerais | Da Redação |

Ataques aéreos provavelmente realizados pela coalizão liderada pelos EUA atingiram uma refinaria de petróleo controlada pelo grupo extremista Estado Islâmico na Síria. Segundo relatos de ativistas e testemunhas, os bombardeios sacudiram prédios e lançaram chamas nas proximidades da fronteira com a Turquia. O grupo sírio afiliado à Al-Qaeda advertiu que os muçulmanos atacariam países que participassem dos ataques aéreos, que têm como alvo tanto o Estado Islâmico - com o qual a Al-Qaeda está em guerra - como militantes radicais que lutam para derrubar o presidente sírio, Bashar Assad. Explosões iluminaram o céu por duas horas na refinaria localizada na cidade de Tel Abyad, no norte da Síria, nesta madrugada (horário local), disse o empresário turco Mehmet Ozer, que vive na vizinha cidade turca de Akçakale. A coalizão liderada pelos EUA tem buscado atingir instalações na Síria constroladas pelo Estado Islâmico com o objetivo de paralisar suas finanças. Acredita-se que o grupo ganhe cerca de US$ 3 milhões por dia com a venda de petróleo contrabandeado no mercado negro e com sequestros e extorsões. Fonte: Associated Press

Leia tudo sobre: guerraestado islâmicoestados unidoscoalizão