Murray vence Monaco e volta a uma final após 14 meses

Escocês fará seu retorno a uma decisão ao derrotar o argentino Juan Monaco por 2 sets a 1

iG Minas Gerais | Agência Estado |

Murray participará do ATP Finals pela sexta vez seguida
Divulgação/ATP
Murray participará do ATP Finals pela sexta vez seguida

Andy Murray voltará a disputar uma final 14 meses depois de se sagrar campeão de Wimbledon em 2013. O escocês fará seu retorno a uma decisão ao derrotar o argentino Juan Monaco por 2 sets a 1 com parciais de 2/6, 6/3 e 6/0, na madrugada deste sábado, no Torneio de Shenzhen, na China.

Seu adversário na final será o espanhol Tommy Robredo, que avançou na chave ao superar o colombiano Santiago Giraldo, por 6/1 e 6/4, no piso duro do torneio chinês, de nível ATP 250. Será a segunda decisão do espanhol na temporada: foi vice-campeão em Umag, na Croácia, em julho.

Na final deste domingo, Murray não tentará apenas encerrar o jejum de troféus no circuito. Ele também busca ganhar ritmo no piso duro visando a sequência da temporada, que culminará no ATP Finals, em novembro. O escocês ainda busca vaga na competição que poderá disputar diante de sua torcida, em Londres.

Boas apresentações na reta final da temporada compensariam o fraco início, em razão de uma cirurgia nas costas. "Tem sido um ano difícil para mim. Os primeiros meses, de recuperação, foram bem complicados. E eu perdi um pouco da minha confiança. Mas venho me sentindo bem nos últimos meses e espero ter um fim de temporada mais forte", projetou Murray, que chegou a deixar o Top 10 nas últimas semanas - é o atual 11º da lista da ATP.  

Leia tudo sobre: murraymonacofinaltorneio de shenzhentênis