Atlético tenta mostrar que clássico serviu como divisor de águas

Após bater o Cruzeiro, jogadores do Galo tentam manter o bom momento para superar o Santos, nesta quinta-feira

iG Minas Gerais | THIAGO PRATA |

Vitória sobre o maior rival deu fôlego necessário ao Atlético  em sua busca pelo G4
BRUNO CANTINI/ATLÉTICO
Vitória sobre o maior rival deu fôlego necessário ao Atlético em sua busca pelo G4

Aquele velho ditado que diz que 'o clássico é um divisor de águas' será posto à prova nesta quinta-feira, ás 20h30, quando o Galo recebe o Santos, no Independência. O triunfo por 3 a 2 sobre o líder do Brasileirão, o arquirrival Cruzeiro, serviu para aumentar o alto astral do time. Resta saber se também aumentou o empenho dos comandados de Levir Culpi para os próximos embates.

Esta resposta será conhecida a partir desta quinta. “A gente tem que fazer como fizemos no clássico. Jogamos contra um grande time, o Cruzeiro, talvez o melhor time até o momento no Brasileiro. Esperamos mostrar nossa força dentro de casa, e fora de casa mostrar regularidade também”, afirmou o atacante Diego Tardelli.

O avante destaca a importância da regularidade daqui para frente, a fim de ocupar um lugar no grupo dos quatro primeiros colocados, que se classificam para a próxima Copa Libertadores.

“Temos que vencer dentro e fora de casa. Depois dessa vitória (sobre o Cruzeiro), espero que a gente possa ter reação e atitude diferente nos jogos. É importante que a gente faça algo diferente contra os clubes fora de casa também”, comentou DT9.

O volante Josué concorda com o companheiro de time. “Mesmo o Cruzeiro tendo mais oportunidades no jogo, tivemos o aproveitamento muito melhor. Temos agora o Santos pela frente, estamos motivados por duas vitórias. Temos respeito ao Santos, um time de qualidade. Do outro lado tem Robinho, Damião, jogadores importantes. É entrar focados para vencer”, destacou.

Leia tudo sobre: futebol nacionalatléticogalosantosclássicodivisor de águas