Bamaq, concessionária New Holland, completa 40 anos

Empresa do grupo mineiro Minasmáquinas tem dez unidades e presença em sete Estados

iG Minas Gerais | Helenice Laguardia |

Direção. Na festa da Bamaq, Nicola D'Arpino, vice-presidente da New Holland Construction para América Latina
Carol Zenatelli/Bamaq e New Holland
Direção. Na festa da Bamaq, Nicola D'Arpino, vice-presidente da New Holland Construction para América Latina

Se o momento é de comemoração pelos 40 anos da Bamaq – do grupo mineiro Minasmáquinas –, a expectativa em relação ao mercado é de baixa. É que no ano passado, a Bamaq, concessionária da New Holland Construction e com dez unidades no país, vendeu 960 máquinas. “Neste ano, nossa expectativa é que haja uma queda na casa de 20%, em função da economia”, diz o diretor executivo da Bamaq, Maximino Pinto. Para o executivo, a preocupação não é com 2014 que, para ele, já acabou. “Nossa preocupação é com 2015, porque está mais do que evidente que existe um dever de casa para o próximo presidente fazer que é tomar medidas mais austeras para conter a inflação e o déficit público”, explica o dirigente. Pinto acredita que o ano de 2015 é que vai definir como serão os próximos anos. “Nós acreditamos que o Brasil tem uma economia muito forte e, por mais problemas que tenha, vai superá-los.”, espera o executivo, que também está na Bamaq há 40 anos. Com cerca de 380 funcionários, Pinto calcula que a Bamaq representa 50% do faturamento das empresas que comercializam veículos automotores do grupo Minasmáquinas. Com dez unidades no Brasil, a concessionária está em sete Estados: Minas Gerais, Bahia, Ceará, Piauí, Maranhão, Pará e Amazonas. A matriz, em Contagem, é a unidade que mais vende. Com máquinas de R$ 200 mil até R$ 600 mil, Pinto acredita que a consolidação da rede se deu graças aos clientes “que acreditaram na nossa proposta desde o início”. De acordo com o vice-presidente da New Holland Construction para América Latina, Nicola D'Arpino, a Bamaq é uma história de parceria de sucesso. “A Bamaq nasceu em Minas Gerais junto com a New Holland, e, depois, expandiu o território dela, cobrindo quase 50% do país em território geográfico”, conta D’Arpino. Com 70 opções de máquinas e até 15 linhas de produto, D’Arpino explica que a montadora tem 12 contratos com grandes grupos no Brasil. “A Bamaq, do ponto de vista do mercado de construção, corresponde a 37%. Para a New Holland, ela corresponde de 35% a 40% do negócio”, informa. D’Arpino explica que uma característica da marca New Holland é sempre estar perto do cliente. “O que passa por parcerias com grupos fortes de investidores como a Bamaq para atender melhor os nossos clientes”, conclui o executivo.

História Início. Em 1973, a primeira escavadeira hidráulica do Brasil, a S90, foi lançada pela New Holland, segundo o vice-presidente da Fiat do Brasil e presidente da Case New Holland, o italiano Valentino Rizzioli.

Grandes números 960 máquinas foram vendidas pela Bamaq em 2013

R$ 200 mil a R$ 600 mil custam as máquinas na Bamaq

Mercado de máquinas pode atingir 25 mil unidades Há dez anos, o mercado de máquinas no Brasil não passava de 5.000 unidades. Neste ano, a expectativa é que ele atinja 23 mil a 25 mil unidades no país, e a New Holland corresponde a 15% desse volume, de acordo com o vice-presidente da New Holland Construction para América Latina, Nicola D'Arpino. “Do ponto de vista da New Holland, são dois anos seguindo uma melhoria passando de 13% para 15% num mercado difícil, e isso já é um mérito”. D’Arpino diz que, historicamente, depois que se tem mudança ou eleições, são anos difíceis de decifrar. “Mas a marca continua insistindo no Brasil, porque existe uma demanda de infraestrutura”. Como ainda há muito o que construir no Brasil, D’Arpino diz que existem grandes desafios, mas os planos são sempre feitos em médio e longo prazo. “Com certeza o Brasil vai continuar crescendo, a gente acredita muito nesse setor”. Por isso, nos últimos cinco anos, foram 42 novos modelos de produtos lançados no Brasil. “Vamos lançar mais nos próximos anos”, afirma D’Arpino.

Trajetória Com sede em Contagem, a Bamaq tem filiais em: Uberlândia, Montes Claros, Varginha, Salvador, Teixeira de Freitas, Fortaleza, Teresina, São Luís, Belém e Manaus  New Holland Construction: tem 70 opções de máquina, dependendo do segmento. Atende os mercados: de construção, aluguel, contratos com o governo, aplicações florestais e mineração. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave