Jovem encontrado morto na USP não tinha sinais de afogamento

O corpo do estudante foi encontrado por volta das 7h dentro da raia olímpica da USP; Santos estava desaparecido desde a madrugada do último sábado

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Peritos que estiveram no local onde Victor Hugo Santos, de 20 anos, foi encontrado disseram que o corpo do estudante não tinha sinais aparentes de afogamento. De acordo com os policias, o jovem apresentava certas escoriações, mas nenhum ferimento que poderia justificar a morte.

O corpo do estudante foi encontrado por volta das 7h dentro da raia olímpica da USP. Santos estava desaparecido desde a madrugada do último sábado quando participou de uma festa no velódromo da universidade. O rapaz, aluno de design no Senac, foi ao evento acompanhado de quatro amigos. Segundo relatos deles, o jovem havia ido comprar cerveja quando desapareceu.

A análise dos peritos ouvidos pela reportagem é preliminar e extraoficial e a causa da morte só será divulgada após perícia do IML (Instituto Médico Legal). O corpo foi encaminhado para o instituto no final da manhã desta terça-feira (23) e não há previsão para a divulgação do laudo.

A polícia trabalha tanto com a hipótese de morte acidental como a de um possível crime. Seguranças e funcionários que trabalharam na festa que Santos esteve deverão ser ouvidos pela polícia. Na tarde desta segunda-feira (22), parentes e amigos do estudante foram ouvidos pela polícia.

Ao deixar a delegacia, o pai do jovem, José Marques dos Santos, de 55 anos, afirmou, que policiais disseram ter encontrado sangue no velódromo e orientaram ele e a mulher a ir ao IML (Instituto Médico Legal) para coletar sangue a fim de verificar se o material encontrado é de Santos.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave