Fácil acesso a dados pessoais facilita crimes

Apesar dos dados crescentes e de não mostrar números, a delegada especula que o que pode estar havendo é um aumento das denúncias

iG Minas Gerais | Johnatan Castro |

A delegada Jacqueline Ferraz pondera que uma superexposição de informações pessoais, como em redes sociais, característica da atualidade, acaba facilitando o acesso a dados que possibilitam a clonagem. Além disso, o aumento do número de veículos novos no mercado dá mais matéria-prima para os criminosos.  

Para fazer a clonagem, os suspeitos usam essas informações privilegiadas e produzem documentos falsos. São confeccionadas ainda placas com os dados do veículo legalizado.

Apesar dos dados crescentes e de não mostrar números, a delegada especula que o que pode estar havendo é um aumento das denúncias. “E nós estamos avançando de forma considerável nos processos”. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave