Transporte público é o principal desafio

O especialista em trânsito Silvestre de Andrade considera que o fundamental para que o transporte público garanta adeptos é a qualidade

iG Minas Gerais | Aline Diniz /Bernardo Almeida |

A troca do transporte individual pelo de massa ainda é um desafio nas metrópoles brasileiras. Somente a capital mineira teve média de 136 novos carros em circulação por dia no primeiro semestre deste ano, segundo dados o departamento Nacional de Trânsito. A frota de veículos de Belo Horizonte já ultrapassa 1,6 milhão.  

O especialista em trânsito Silvestre de Andrade considera que o fundamental para que o transporte público garanta adeptos é a qualidade. “Precisa ter conforto, ser mais rápido e não pode ficar engarrafado como os demais veículos”, diz.

Além disso, o engenheiro defende que há uma diferença entre ter o carro e usar o veículo. Como já acontece em países da Europa como França, Inglaterra e Alemanha, por exemplo, as pessoas têm carros, mas usam o transporte público no dia-a-dia. “Se o transporte público melhorar, a tendência é que as pessoas passem a usá-lo, deixando o carro para dias de lazer”, completa. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave