Miranda admite má fase da defesa do Atlético de Madrid

Zagueiro brasileiro afirma que as mudanças na equipe vem afetando o desempenho do time

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

DIVULGAÇÃO/ATLÉTICO DE MADRID
undefined

Miranda e Godin formaram, na temporada passada, a melhor dupla de zaga do mundo. Não só pelo poderio ofensivo, decisivo no título espanhol e no vice da Liga dos Campeões, mas também pelo baixo número de gols sofridos. Neste início de temporada, eles seguem resolvendo na frente, mas a qualidade na defesa diminuiu.

Só nos últimos dois jogo foram cinco gols sofridos - na quarta levou 3 a 2 do Olympiacos pela Liga dos Campeões. Já contra o Celta, sábado, pelo Espanhol, o rival abriu o placar em uma falha de Godin e empatou em 2 a 2 em um pênalti cometido por Miranda. Cada um dos zagueiros fez um dos gols do time madrilenho em casa.

"Não é normal tomar cinco gols em dois jogos, mas estamos trabalhando, vamos corrigir o que fizemos mal estes dois jogos e provavelmente, não vai acontecer de novo", disse o zagueiro da seleção brasileira, nesta segunda-feira.

Miranda culpa a má fase da defesa pela mudanças no time. A zaga continua quase a mesma da temporada passada (o lateral-direito Juanfran segue, mas Filipe Luis saiu), mas o restante da equipe sofreu muitas transformações.

"Nos afeta porque a equipe defende desde os atacantes até os zagueiros. Quando se muda perde um pouco a sintonia. É normal que quando saem muitos jogadores demora a se adaptar", avaliou Miranda.

Leia tudo sobre: mirandaatletico de madridfase ruim