De virada, Vitória supera Bahia na Fonte Nova

Richarlyson fez boa partida e teve participação no primeiro gol do Vitória, ao cruzar na medida para Kadu - Luiz Gustavo fez o segundo gol. Do lado do Bahia, o destaque ficou por conta de Kieza

iG Minas Gerais | Agência Estados |

A luta para se afastar da zona de rebaixamento do Brasileirão transformou o clássico baiano deste domingo em um jogo emocionante, com direito a virada e triunfo do Vitória. Em plena Arena Fonte Nova, em Salvador, o time ganhou do rival Bahia por 2 a 1, pela 23ª rodada da competição.

Richarlyson fez boa partida e teve participação no primeiro gol do Vitória, ao cruzar na medida para Kadu - Luiz Gustavo fez o segundo gol. Do lado do Bahia, o destaque ficou por conta de Kieza. Além de balançar as redes, o jogador foi decisivo nas assistências pelas laterais.

Com o importante resultado no clássico, o Vitória foi a 24 pontos. Já o Bahia permanece na zona de rebaixamento do Brasileirão, com 23 pontos.

O Bahia volta a campo pelo Campeonato Brasileiro na próxima quarta-feira, também na Arena Fonte Nova, contra o Sport. Já o Vitória encara o Palmeiras no Pacaembu, em São Paulo, no dia seguinte.

O JOGO - O clássico começou em ritmo alucinante. Logo aos cinco minutos, Kieza aproveitou cruzamento de Pará para cabecear e abrir o placar na Fonte Nova. A vantagem do Bahia, contudo, durou pouco. Aos oito, foi a vez de Kadu receber cruzamento de Richarlyson e subir mais alto para empatar para o Vitória.

Depois dos gols, ambas as defesas se reorganizaram. O jogo, então, ficou concentrado no meio. Embora equilibrado e com forte marcação, o clássico continuava frenético. Aos 20 minutos, Marcinho recebeu de fora da área e teve de arriscar de longe mesmo para tentar o gol. A bola passou acima da meta de Marcelo Lomba.

O Vitória teria outra grande chance aos 28 minutos - desta vez dentro da área do Bahia. Dinei recebeu cruzamento de Nino na medida certa. A cabeçada, entretanto, foi para fora. Assim, o primeiro tempo terminou em 1 a 1.

Na volta dos vestiários, o jogo continuou agitado e ficou ainda mais rápido quando, aos oito minutos, Luiz Gustavo virou para o Vitória. O jogador recebeu de Richarlyson e, com espaço, teve tempo suficiente para calibrar o chute e mandar forte no canto de Marcelo Lomba, fazendo 2 a 1.

Animado, o Vitória foi novamente para cima e quase fez o terceiro aos 18 minutos. Juan recebeu na área e, de cabeça, mandou no travessão. No restante da partida, ambas as equipes tiveram suas chances, mas o clássico na Fonte Nova terminou mesmo 2 a 1.

Leia tudo sobre: futebolsalvadorbahia