Criança morre ao cair de quinto andar de prédio no bairro São Lucas

Acidente aconteceu por volta de 15h45 deste domingo (21) no bairro São Lucas, em Belo Horizonte

iG Minas Gerais | CAMILA KIFER |

Uma criança de 11 anos morreu ao cair do quinto andar de um prédio de um condomínio na rua Rádio, no bairro São Lucas, na região Centro-Sul de Belo Horizonte, na tarde deste domingo (21).

Conforme informações de militares da 127ª Cia do 22º Batalhão Polícia Militar (BPM), o acidente aconteceu por volta de 15h30h. Moradores que conversaram com a reportagem de O TEMPO afirmaram que a criança, que não morava no local, teria avistado uma cama elástica, que estava na área externa do apartamento. Em seguida ele teria se jogado, tentando cair em cima do brinquedo.

O avô da criança conversou com a equipe de reportagem de O TEMPO e explicou que a criança e o irmão mais velho haviam ido visitar o pai que morava no endereço com a madrasta. "Foi uma fatalidade. Uma tentativa da criança de ser super-herói”, encerrou o avô.

O segurança que trabalha na rua Rádio, que pediu anonimato, afirmou que o prédio é novo e que nunca havia acontecido algo do tipo no local. "O condomínio foi construído e começou a ser habitado há 2 anos e meio. Nunca aconteceu nada desse tipo aqui", relatou.

"A primeira movimentação de moradores começou por volta de 15h30. Em seguida, por volta de 15h45, uma equipe do Samu foi para o local. Outras unidades de pronto-socorro chegaram logo após. A PM foi acionada por moradores e compareceu por volta de 16h40", finalizou o segurança.

O Serviço Médico de Atendimento de Urgência (Samu), informou por meio de sua assessoria de imprensa, que uma equipe realizou por cerca de 2h um procedimento de ressuscitação da criança, mas, infelizmente, sem sucesso.

Depoimento

Madrasta da criança informou que neste domingo (21) um evento voltado para crianças para comemorar a chegada da Primavera estava sendo realizado na parte externa do prédio. Em função disso, o marido havia levado os filhos, um de 11 e o outro de 18, para passar o domingo no local.

A mulher ainda relatou que após o evento os quatro retornaram para o apartamento. Segundo ela, o garoto teria se trancado no quarto. Ela chegou a abrir a porta e quando perguntou o que a criança estava fazendo recebeu a resposta que estava olhando pela janela.

A mulher teria saído do cômodo e deixado a porta aberta. Ao retornar, percebeu a criança sentada na janela com as pernas para fora. Ela se assustou e chamou o pai do menino. O homem correu para tirar o filho do local, mas a criança, no entanto caiu.

Ainda de acordo com a versão apresentada, eles desceram correndo para socorrer a criança. O pai teria o carregado nos braços até o saguão do prédio. Dois médicos que moram no local fizeram os primeiros socorros mas não teve como. Chegou uma ambulância, ele chegou a recobrar a consciência, mas morreu em seguida.

Imóvel

O condomínio é constituído por duas torres iguais e uma grande área de lazer. Todas as varandas dos prédios dão para esta área. Um apartamento do quinto andar tem vidro de proteção nesta parte e outro não.


Leia tudo sobre: belo horizonteacidentequeda