Em centro de cultura nordestina, Aécio pede 'ajuda' a Padre Cícero

Durante conversar com jornalistas, o tucano acusou o candidato a vice presidente pelo PSB, Beto Albuquerque, a contradizer a titular da chapa, Marina Silva

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

O candidato a presidente pelo PSDB, Aécio Neves, aproveitou a visita ao Centro Luiz Gonzaga de Tradições Nordestinas, no Rio, neste domingo (21), para "pedir ajuda" a Padre Cícero na disputa à campanha presidencial.

"Sua bênção, Padre Cícero, me ajuda aí", disse, provocando risos, ao visitar a capela erguida em homenagem ao líder católico cearense, morto em 1934, reverenciado em todo o Nordeste.

Aécio ganhou uma escultura em madeira do Padre Cícero. Ele percorreu o centro ao lado do cantor e compositor Raymundo Fagner, com quem chegou, por volta do meio-dia.

Contradição

Ao conversar com jornalistas, o candidato acusou o candidato a vice presidente pelo PSB, Beto Albuquerque, a contradizer a titular da chapa, Marina Silva.

"Respeito a candidata Marina mas ela não se preparou para essa disputa. É um conjunto de incongruência todos os dias. Suas propostas ao agronegócio não são pra valer. Seu vice ontem mesmo fez uma referência à necessidade de aumentar o desmatamento no Centro Oeste, contrariando o que ela tem dito, que sua meta é de desmatamento zero".

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave