Helicóptero cai na represa de Furnas e dois estão desaparecidos

Piloto conseguiu se salvar sozinho e foi levado a hospital; buscas foram suspensas pouco antes das 19h

iG Minas Gerais | Fernanda Viegas |

Helicóptero com três ocupantes caiu na represa de Furnas na manhã deste sábado (20)
CORPO DE BOMBEIROS / DIVULGAÇÃO
Helicóptero com três ocupantes caiu na represa de Furnas na manhã deste sábado (20)

Um helicóptero ocupado por três pessoas caiu na represa de Furnas na manhã deste sábado (20), em Fama, no Sul de Minas Gerais. De acordo com o Corpo de Bombeiros de Alfenas, o piloto conseguiu sair sozinho da aeronave. Os dois passageiros, que seriam o sargento que comanda o destacamento da Polícia Militar em Fama e a mulher dele, continuam desaparecidos.

Segundo a corporação, o helicóptero fazia um voo panorâmico turístico pela cidade, em razão de uma festa de rodeio que acontece na região, quando a aeronave caiu, entre 11h30 e 12h. A queda ocorreu próximo a um bar que fica às margens da represa e estava movimentado por causa da comemoração. As causas do acidente ainda não foram esclarecidas.

As buscas foram suspensas pouco antes das 19h, por causa da chuva, que compromete a segurança dos trabalhos. De acordo com os bombeiros, a água turva e a força da correnteza dificultam a busca pelo casal desaparecido. Alguns destroços da aeronave já foram encontrados, no entanto, o casal segue desaparecido.

O piloto, identificado como Bruno Abitbol de Andrade Nogueira, de 35 anos, conseguiu sair da aeronave sozinho e foi encaminhado para um hospital Nossa Senhora da Piedade, em Elói Mendes, também no Sul de Minas. Segundo o hospital, ele teve ferimentos leves e passa bem. Nogueira está internado, em observação e sob escolta, acompanhado da família.

Depois que receber alta, o piloto pode ser levado para prestar depoimento sobre o acidente em Varginha.

Atualizada às 19h10

Leia tudo sobre: helicópteroocupantesvítimasrepresa