Vendas do novo iPhone começaram ontem sem previsão de chegar ao país

Sistema operacional novo é pesado demais para aparelhos mais antigos

iG Minas Gerais |

É meu! Sam Sheikh e Jameel Ahmed, os primeiros da fila numa loja Apple em Londres
Kirsty Wigglesworth
É meu! Sam Sheikh e Jameel Ahmed, os primeiros da fila numa loja Apple em Londres

SÃO PAULO. A Apple começou a vender ontem seus novos iPhone 6 e iPhone 6 Plus nos Estados Unidos e outros nove países: Austrália, Canadá, França, Alemanha, Hong Kong, Japão, Porto Rico, Cingapura e Reino Unido. No dia 26 de setembro, a nova geração de iPhones deve chegar a mais 20 países. Assim como nas outras ocasiões, o Brasil não figura em nenhuma dessas listas – as últimas gerações de iPhone chegaram ao país mais no fim do ano.

Apesar de chegar às lojas só hoje, os novos iPhones já estão em pré-venda desde o dia 12. Segundo a Apple, foram mais de 4 milhões de pré-encomendas só nas primeiras 24 horas. Nos Estados Unidos, sem contratos de operadoras e considerando a versão mais básica dos aparelhos (com 16 GB de armazenamento), o iPhone 6 e o iPhone 6 Plus custam a partir de US$ 649 e US$ 749, respectivamente. A empresa também anunciou o seu relógio inteligente, mas ele só chega ao mercado em 2015.

Novo sistema. A Apple define o iOS 8, nova versão de seu sistema para iPhones e iPads, como a maior atualização desde que a App Store foi lançada, com centenas de novidades. O peso do download, liberado desde a última quarta-feira, assustou muita gente – o arquivo pode chegar a mais de 1 GB e o espaço livre necessário para a instalação do sistema pode superar 5 GB.

É mais da metade do espaço total do aparelho com 8 GB de memória e quase a metade do de 16 GB (que, vazio, tem 13,2 Gbytes de armazenagem). O sistema está disponível para usuários de iPhone a partir da versão 4S e de iPad, a partir da segunda geração. Mas, para essas versões, o recomendado seja esperar para atualizar, já que os aparelhos mais antigos podem ficar excessivamente lentos.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave