Greve dos Correios concentra-se em carteiros de sete Estados

Em Minas Gerais, paralisação foi iniciada na quinta-feira (18) e ainda não há previsão para ser encerrada; sindicato informou que tentou acordo com a empresa por 40 dias e não foi ouvido

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Correios: greve concentra-se em carteiros em 7 Estados
JOAO LEUS/O TEMPO
Correios: greve concentra-se em carteiros em 7 Estados

Os Correios informaram nesta sexta-feira (19) que 97,7% do efetivo da estatal estão presentes e trabalhando, a despeito do movimento grevista que atinge sete Estados. De acordo com a nota o levantamento da empresa por meio do sistema eletrônico de presença mostra que 122.462 empregados compareceram ao trabalho hoje.

Segundo os Correios, o movimento está concentrado na área de distribuição. Ainda assim, do total de 12.237 carteiros que deveriam trabalhar nesta sexta nos sete Estados atingidos pela greve, 2.411 não compareceram ao serviço, representando 19,70% da categoria nessas regiões.

A greve dos Correios ocorre em Mato Grosso, Rio de Janeiro, Roraima, Rio Grande do Sul (Porto Alegre), Sergipe, Minas Gerais (apenas região da Grande Belo Horizonte) e Tocantins.

Em Minas Gerais

No Estado, a paralisação foi iniciada na quinta-feira (18) e ainda não há previsão para ser encerrada. "Tentamos acordo com a empresa por 40 dias e não fomos ouvidos. Não há previsão para o retorno ao serviço", contou o diretor do Sindicato dos Trabalhadores dos Correios de Minas Gerais (Sintect-MG), Djair Gomes.

O diretor ainda explicou que o sindicato na próxima segunda-feira (22) a liderança irá se comunicar com outros sindicatos da categoria em outros Estados para pensar em qual decisão será tomada. 

 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave