Falcão acha 'absurdo' Marina ir à Justiça contra site

Petista comentou também o resultado da mais recente pesquisa do Ibope, contratada pelo jornal O Estado de S.Paulo e pela Rede Globo, que mostra queda na intenção de voto em Dilma

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

O presidente nacional do PT, deputado estadual Rui Falcão, disse há pouco que considera um "absurdo" a candidata a presidente Marina Silva (PSB) ter entrado na Justiça para retirar do ar o site Muda Mais, ligado à campanha da presidente Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição.

Antes do início do debate dos presidenciáveis promovido pela Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) e TV Aparecida, Falcão disse: "Formos vítimas da censura da candidata adversária (Marina), que entrou na Justiça para tirar do ar o site Muda Mais. Não temos censurado ninguém, portanto é um absurdo numa sociedade democrática uma candidata censurar a nossa campanha".

O petista comentou também o resultado da mais recente pesquisa do Ibope, contratada pelo jornal O Estado de S.Paulo e pela Rede Globo, que mostra queda na intenção de voto em Dilma e uma diminuição da distância entre Marina e o candidato do PSDB, Aécio Neves, no primeiro turno. Os dados mostram que Dilma caiu de 39% para 36%, enquanto Marina oscilou de 31% para 30% e Aécio subiu de 15% para 19%.

Segundo ele, a presidente continua na liderança e o segundo turno é uma "mera projeção, pois será uma outra eleição". "O que estamos preocupados é com a censura de Marina Silva", reiterou.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave