Polícia Militar prende mais de 50 pessoas em protesto de sem-teto

De acordo com o porta-voz, embora a situação esteja sob controle, cerca de 250 policiais, incluindo homens da Tropa de Choque, estão espalhados pela região central da capital paulista para evitar mais tumultos

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

Mais de 50 pessoas foram detidas no final da manhã desta terça-feira (16) nas ações de protesto dos integrantes de movimentos dos sem-teto, na região central da capital paulista. Entre eles está uma mulher que, segundo o coronel Mauro Lopez, porta-voz da Polícia Militar, confessou ter ateado fogo a um ônibus biarticulado, em frente ao Theatro Municipal. Ela foi conduzida ao 3º Distrito Policial, onde presta depoimento.

Ainda de acordo com o porta-voz, embora a situação esteja sob controle, cerca de 250 policiais, incluindo homens da Tropa de Choque, estão espalhados pela região para evitar mais tumultos.

A Companhia de Engenharia de Tráfego (CET) informou que até por volta das 12h, as vias de acesso ao Viaduto do Chá ainda estavam interditadas ao trânsito de veículos - Rua Xavier de Toledo, os cruzamentos desta via com a Avenida São Luiz, assim como a confluência da Avenida Rio Branco com a Rua Aurora.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave