Em menos de 24 horas, Argentina registra três acidentes aéreos

Um dos aviões caiu próximo a Chos Malal, na província de Neuquén; a aeronave transportava o elenco da peça "O velório da aeromoça" e por sorte, nenhum dos atores tiveram ferimentos graves

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

A queda do avião em La Isla de Nordelta provocou um incêndio, atingindo três casas da região
Reprodução/Twitter
A queda do avião em La Isla de Nordelta provocou um incêndio, atingindo três casas da região

Em menos de 24 horas, três acidentes aéreos foram registrados na Argentina. O primeiro aconteceu na tarde desse domingo (14) em La Isla de Nordelta, no norte de Buenos Aires. O piloto do avião, Gustavo Andrés Deutsch, de 78 anos, morreu e uma mulher que  o acompanhava foi internada em estado grave. A queda provocou um incêndio, atingindo três casas da região. Não houve vítimas nas residências.

O segundo caso aconteceu horas depois, próximo a Chos Malal, na província de Neuquén. A aeronave que transportava o elenco da peça "O velório da aeromoça" sofreu uma falha no motor e caiu em um campo. Embora a aeronave tenha ficado destruída, os três integrantes do elenco sobreviveram com ferimentos leves.

O terceiro acidente aconteceu na manhã de segunda-feira (15) em General Villegas, próximo ao aeroporto local. Dois passageiros do avião tiveram ferimentos graves. Uma das vítimas teve 90% do corpo queimado. De acordo com responsáveis pelo aeroporto, o avião apresentou problemas mecânicos minutos após realizar a decolagem.

Leia tudo sobre: AcidenteaéreoaeronaveaviãoArgentinaMundocaosclima