Jogadores ressaltam dificuldades do jogo e vantagem de quatro pontos

Volante Nilton afirma que a equipe tem condições de se manter na ponta e de aumentar ainda mais a vantagem de pontos

iG Minas Gerais | DA REDAÇÃO |

SP - BRASILEIRÃO/SÃO PAULO x CRUZEIRO - ESPORTES - O jogador Marcelo Moreno , do Cruzeiro, durante partida contra o São Paulo, válida pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro, no estádio do Morumbi, na zona sul da capital paulista, neste domingo (14). 14/09/2014 - Foto: ALE CABRAL/AGÊNCIA O DIA/AGÊNCIA O DIA/ESTADÃO CONTEÚDO su15011
SP - BRASILEIRÃO/SÃO PAULO x CRUZEIRO - ESPORTES - O jogador Marcelo Moreno , do Cruzeiro, durante partida contra o São Paulo, válida pela 21ª rodada do Campeonato Brasileiro, no estádio do Morumbi, na zona sul da capital paulista, neste domingo (14). 14/09/2014 - Foto: ALE CABRAL/AGÊNCIA O DIA/AGÊNCIA O DIA/ESTADÃO CONTEÚDO su15011

Os jogadores do Cruzeiro lamentaram a derrota para o São Paulo, fato que interrompeu uma sequência de 12 jogos sem perder no Campeonato Brasileiro e fez a diferença de pontos do tricolor para a Raposa cair de 10 para quatro pontos. Os cruzeirenses, entretanto, ressaltaram as dificuldades da partida e a vantagem que o time celeste ainda tem sobre os rivais na briga pelo título da competição.

“Acho que não foi uma de nossas melhores apresentações. Mas o São Paulo está num bom momento, e jogou bem. Porém, ainda estamos na liderança. Vamos seguir fazendo o bom trabalho que fizemos até aqui, porque falta muita coisa ainda”, disse o atacante Marcelo Moreno.

O volante Nilton espera contar com o apoio da torcida para que a equipe celeste busque a reabilitação em casa. Ele afirma que a equipe tem condições de se manter na ponta e de aumentar ainda mais a vantagem de pontos.

“Eles (cruzeirenses) estão fazendo o papel deles, lotando o Mineirão. Então, a nossa equipe vai continuar fazendo esse futebol digno de líder e tentar distanciar dos rivais. Ainda temos quatro pontos. Até um ponto seria uma boa vantagem, mas sabemos que temos futebol para nos distanciarmos ainda mais”, declarou o volante.  

Leia tudo sobre: CruzeiroRaposaBrassileiroderrotaSao Paulovantagemlideranca