Um mar único

Passeio de jangada às piscinas naturais em Pajuçara ou descanso nas praias de Ipioca

iG Minas Gerais | Teresa Cristina Tavares |

Jangadas de velas quadradas são herança portuguesa em Alagoas
Teresa Cristina Tavares/Agência O Globo
Jangadas de velas quadradas são herança portuguesa em Alagoas

Ao longo dos 9 km da orla de Maceió, tudo convida à preguiça. Sejam a areia clara das praias, as águas tranquilas de colorido intenso ou os quiosques que oferecem comidas, drinques e música ao vivo. Um projeto de reurbanização tornou a região mais atraente, com jardins, praças, ciclovia e pista de cooper nas quatro praias da orla (Avenida, Ponta Verde, Pajuçara e Jatiúca).

Numa cidade onde a natureza é o destaque, os turistas ficam sujeitos a seus caprichos. Para visitar as piscinas naturais de Pajuçara, por exemplo, é preciso seguir a maré. Dependendo de sua variação, o passeio só pode ser feito pela manhã ou à tarde.

Ancoradas na praia, cerca de 150 jangadas levam até cinco visitantes por vez mar adentro, por dois quilômetros, até as piscinas naturais. O percurso não dura mais de dez minutos. A duração do passeio varia de acordo com o grupo, que pode ficar por até duas horas boiando, nadando ou mesmo alimentando peixinhos nas águas cristalinas de Pajuçara. O programa pode ficar mais interessante se for possível assistir ao pôr do sol de dentro d’água, por volta das 17h30.

Ipioca

A cerca de 20 km do centro de Maceió pela AL-101 Norte, Ipioca tem nas praias intocadas seu principal atrativo. Mas não o único. Na parte mais elevada, conhecida como Alto de Ipioca, a igreja de Nossa Senhora do Ó, construída em 1713, preserva imagens e características originais de quando foi fundada pelos portugueses. Mas as praias da região não dispõem de uma estrutura para quem procura mordomias à beira-mar.

Uma passada no Mercado de Artesanato de Maceió pode encerrar o passeio: reúne bonecos de pano, bolsas e cestos de palha, peças em madeira e trabalhos em palito de fósforo do artista Arlindo Monteiro, criador dos bonecos na abertura da novela global “Da Cor do Pecado”.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave