Marcelo Oliveira tem dúvida na lateral e no ataque

Egídio, liberado do DM, pode entrar na lateral esquerda; Willian depende de avaliação física para voltar ao time

iG Minas Gerais | GUILHERME GUIMARÃES |

Willian seguirá treinando no Cruzeiro
GUSTAVO BAXTER/O TEMPO
Willian seguirá treinando no Cruzeiro

O Cruzeiro terá uma “parada torta” pela frente na 21ª rodada do Campeonato Brasileiro, já que enfrenta ninguém mais, ninguém menos que o São Paulo, atual segundo colocado da competição nacional. E para o jogo, marcado para o Morumbi, neste domingo, às 16h, o técnico Marcelo Oliveira tem duas dúvidas: uma na lateral esquerda e outra no ataque.

O treinador celeste decidirá pouco antes do jogo se entrará com Egídio ou Ceará na ala esquerda, ou se optará por Willian, Dagoberto, Alisson, e, ainda, Marquinhos, na frente.

O lateral-esquerdo Egídio voltou a treinar com bola nesta sexta-feira, depois de 19 dias fora das atividades com bola. O jogador se recupera de uma fratura na mão esquerda, sofrida na 17ª rodada do Brasileirão, na vitória por 1 a 0 contra o Goiás, em Goiânia. Apesar disso, o lateral está garantido pelo menos na lista de relacionados, segndo o próprio comandante celeste.

“O Egídio fez um trabalho de campo, com proteção e sentiu-se muito bem nesse trabalho. Em relação a escalá-lo, ele vai viajar e vamos decidir se ele vai jogar ou não no domingo”, disse Oliveira, explicando possibilidades para o confronto com o São Paulo.

“A questão é que o Egídio ficou parado. Vamos ver como ele se sentiu no treinamento. Temos que estudar um pouco mais o adversário, a forma que jogam. Se ele tiver oportunidade de jogar, a gente ganha muito ofensivamente. Tem um grande apelo ofensivo, uma passagem constante pelo lado esquerdo. Não jogando ele, joga o Ceará, que não tem o pé esquerdo, mas tem uma poder de marcação muito grande”, ressaltou.

Já Willian, considerado titular, reclamou de dores e nem atuou contra o Bahia, sendo poupado. A escalação do atacante depende de testes que serão feitos pouco antes do jogo contra o Tricolor Paulista.

“Éssa também é uma dúvida, porque vamos monitorar os jogadores amanhã (sábado) nas avaliações físicas. O jogo de quinta para domingo é muito próximo, porque poderia dar uma escalação e depois mudar de ideia”, concluiu.

Leia tudo sobre: CruzeiroRaposaMarcelo Oliveiraduvidalateralataquesao paulo