Incêndio destrói a Serra da Moeda desde a manhã desta sexta-feira (12)

Chamas ameaçam algumas residências e o restaurante Topo do Mundo, próximo à rampa de voo livre

iG Minas Gerais | JOSÉ VÍTOR CAMILO |

Cidades : ITABIRITO MG : DESLIZAMENTO/BARRAGEM/MG
O Ministerio Publico de Minas Gerais (MPMG) enviou, nesta quinta-feira (11), tres promotores a cidade de Itabirito, na regiao Central de Minas Gerais, com o objetivo de iniciar uma investigacao paralela sobre o rompimento de uma barragem de rejeitos da empresa Herculano Mineracao. Outros tres orgsos publicos (Policia Civil, Departamento Nacional de Producao Mineral e Secretaria de Estado de Meio Ambiente) trabalham para encontrar o que teria causado o rompimento da estrutura e o consequente soterramento de seis funcionários. Tres pessoas morreram, e as buscas pelo terceiro corpo foram retomadas na manha desta sexta-feira (12). 


Na foto vista da Herculano Mineracao  e  incendio na Serra de Itabirito

Foto: Alex de Jesus/O Tempo 12/09/2014
ALEX DE JESUS/O TEMPO
Cidades : ITABIRITO MG : DESLIZAMENTO/BARRAGEM/MG O Ministerio Publico de Minas Gerais (MPMG) enviou, nesta quinta-feira (11), tres promotores a cidade de Itabirito, na regiao Central de Minas Gerais, com o objetivo de iniciar uma investigacao paralela sobre o rompimento de uma barragem de rejeitos da empresa Herculano Mineracao. Outros tres orgsos publicos (Policia Civil, Departamento Nacional de Producao Mineral e Secretaria de Estado de Meio Ambiente) trabalham para encontrar o que teria causado o rompimento da estrutura e o consequente soterramento de seis funcionários. Tres pessoas morreram, e as buscas pelo terceiro corpo foram retomadas na manha desta sexta-feira (12). Na foto vista da Herculano Mineracao e incendio na Serra de Itabirito Foto: Alex de Jesus/O Tempo 12/09/2014

O Corpo de Bombeiros atua desde o início da manhã desta sexta-feira (12) no combate a um incêndio que atinge a Serra da Moeda, na região do Condomínio Retiro do Chalé, em Nova Lima, na região metropolitana de Belo Horizonte. 

Segundo a corporação, desde 8h25 o helicóptero Arcanjo iniciou o monitoramento de focos de incêndio em uma mata da região. Uma viatura deslocou para iniciar o combate por volta das 9h, após ficar constatado um incêndio próximo à rampa de voo livre e do restaurante Topo do Mundo. Por volta das 12h já haviam 12 bombeiros e alguns brigadistas voluntários atuando no combate aos focos. 

Ainda no início da tarde, chamas foram combatidas no vilarejo Marinho da Serra, com o apoio do helicóptero da corporação. Por volta das 16h40 os militares ainda combatiam cerca de 16 focos na encosta da serra, que ameaçavam o restaurante e algumas residências existentes abaixo. Ainda não há informações sobre a área já consumida pelo incêndio. 

Outros

Ainda nesta sexta-feira, o Corpo de Bombeiros chegou a combater chamas em um lote vago que ameaçavam um pátio de veículos no bairro Frimisa, em Santa Luzia, também na região metropolitana. A corporação foi acionada por volta das 11h20 e cerca de uma hora depois já havia controlado o incêndio sem maiores danos. 

Um pouco mais tarde, por volta das 13h, uma nova chamada, desta vez às margens da BR-040, no bairro Quintas São José, em Esmeraldas, na grande BH. O fogo na vegetação ameaçava residências do condomínio. Felizmente, por volta das 14h45 as chamas já haviam sido controladas. A corporação não tem dados da área queimada. 

Já por às 16h50 um novo incêndio em vegetação mobilizou os militares dos bombeiros. Uma linha de fogo extensa atinge uma área no bairro Serra Dourada, na divisa com bairro Célvia, em Vespasiano. Duas viaturas da corporação participam do combate.