Minas e UFJF jogam de olho em segunda colocação

Disputa será neste sábado, na Zona da da Mata, às 17h; treinadores apostam em saque forte para bater adversários

iG Minas Gerais | DÉBORA FERREIRA |

Chiquita, técnico da UFJF
DENILTON DIAS / O TEMPO
Chiquita, técnico da UFJF

O Minas Tênis Clube já se recuperou da derrota sofrida para o Sada Cruzeiro e venceu o Montes Claros Vôlei, no último sábado. Por outro lado, a UFJF perdeu suas duas primeiras partidas e luta para alcançar a vitória neste fim de semana, em Juiz de Fora, às 17h. Com os celestes 100% e disparados na frente, a briga pela segunda vaga e, consequentemente, para decidir a semifinal em casa, vai ficando cada dia mais forte.

Técnico da equipe da Zona da Mata, Chiquita não vê outra solução para a partida senão sair com os primeiros três pontos na tabela. “O objetivo é a vitória. É um adversário direto, que também está na briga por uma colocação melhor”, avaliou. Tudo porque a situação tende a ficar ainda mais complicada quando enfrentar o Montes Claros, clube que está no mesmo patamar de UFJF.

A confiança do treinador vem do que ele viu em quadra. Com a equipe ainda desfalcada – o oposto Alemão continua fora por lesão no punho e o ponteiro Sérgio é dúvida -, o primeiro jogo no Mineiro deste ano não foi lá dos melhores, mas o segundo foi diferente. No Riacho, os juizforanos engrossaram a partida, complicaram um dos sets do Sada e ainda saíram vencedores da terceira etapa.

“Na primeira partida jogamos avariados, com muitos desfalques, o que já começou a mudar na segunda. As atuações individuais melhoraram muito, assim como nosso saque. Observando o time do Minas, vemos que encaixar o saque será importantíssimo também contra eles”, disse.

Mas a estratégia de investir no fundamento não será exclusivo de Chiquita. O técnico minastenista Nery Tambeiro não só investiu nos treinamentos para se defender, como também vê o saque como uma grande oportunidade.

“No início da semana trabalhamos bastante domínio, defesa e levantamento. Quinta, fizemos uma coisa mais tranquila, que é só o saque e passe, e aproveitamos para dar uma enfatizada no saque, fator importante para tentar trazer a vitória”, explicou Nery.