Mascarado invade casa e mata mulher com três tiros em Lagoa da Prata

Família de vítima acusa o ex-companheiro da mulher pelo assassinato e afirma que ele já a agrediu e a ameaçava

iG Minas Gerais | Fernanda Viegas |

Um mulher de 39 anos foi executada enquanto jantava com uma conhecida, em sua casa, na noite dessa quinta-feira (11), em Lagoa da Prata, na região Centro-Oeste de Minas Gerais. A família da vítima acusa o ex-companheiro dela pelo assassinato.

A testemunha contou à Polícia Militar (PM) que as duas faziam a refeição na cozinha da casa, na rua Josefa Bernardes, no bairro Etelvina Miranda, quando um homem alto, magro, usando uma touca ninja, invadiu a residência, dirigiu-se ao local onde elas estavam e, apontando uma arma, perguntou quem era Vânia. Neste momento, Vânia Ferreira de Sousa se levantou e se identificou. 

Com isso, o suspeito atirou três vezes contra ela, atingindo o abdômen, ombro esquerdo e coxa direita. Ela foi socorrida para o Pronto Atendimento de Lagoa da Prata, onde chegou a ir para o bloco cirúrgico, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

Procurados pelos militares, os familiares da vítima informaram que ela era ameaçada pelo ex-companheiro R.P. e que ele já tinha a agredido anteriormente. Até o momento, o homem não foi localizado.

 

Leia tudo sobre: mulherex-companheirojantartouca ninjamascarado