América é goleado pelo Ceará e se distancia da disputa pelo G4

Revés para o Vozão, adversário direto por uma vaga no G-4, deixou o Coelho mais longe de seu objetivo de conseguir o acesso e aumentou a pressão

iG Minas Gerais | ANTÔNIO ANDERSON |

O América até que tentou ensaiar uma reação. O time chegou a estar perdendo de 2 a 0 para o Ceará e conseguiu o empate em 2 a 2, com gols dos zagueiros Adalberto e Vitor Hugo. Mas, os erros de marcação da defesa acabaram custando mais um resultado negativo da equipe, que na noite desta terça-feira foi goleado por 5 a 2 pelo Vozão, em jogo realizado no estádio do Castelão, em Fortaleza, e que foi válido pela 21ª rodada da Série B. O revés para o Vozão, adversário direto por uma vaga no G-4, deixou o Coelho mais longe de seu objetivo de conseguir o acesso e aumentou a pressão sobre o alviverde, que no próximo sábado tenta reabilitação na competição em casa, contra o Boa Esporte.

O América começou a partida sofrendo uma pressão do Ceará, que abriu o placar aos 8 min. O meia Eduardo driblou o volante Leandro Guerreiro e bateu no ângulo sem chances para o goleiro Fernando Leal. Com dificuldades para chegar ao ataque, o Coelho criou uma boa chance de empatar um minuto depois com o meia Willians, que se aproveitou de um vacilo do goleiro cearense para recuperar a bola, mas finalizou mal.

O Ceará ampliou a vantagem aos 23 min com o zagueiro Sandro. Se o ataque americano era pouco eficiente, os zagueiros Adalberto, aos 24 min, e Vitor Hugo, aos 34 min, trataram de deixar tudo igual no placar para o Coelho. O empate em 2 a 2 podia ser considerado um bom placar, mas um novo erro de marcação da defesa mineira acabou implicando no terceiro gol do Vozão marcado por Magno Alves, aos 36 min.

O América voltou para a etapa complementar com o atacante Ricardinho no lugar do meia Willians, que sentiu uma lesão muscular. O Coelho tentou sair para o ataque em busca do empate, mas deu espaço para o Ceará, que nos contra-ataques acabou ampliando a vantagem aos 16 min. O atacante Bill chutou, a bola pegou na trave e sobrou para Magno Alves ampliar. Esse foi o 12º gol do atacante no Brasileiro e o seu 31º na temporada, números que fazem do jogador o maior goleador do futebol brasileiro em 2014.

Perdido em campo, o América chamou o Ceará para o seu campo defensivo. A equipe cearense tocava bem a bola envolvendo o time do Coelho, que quase não levar perigo ao gol adversário. Superior em campo, o Vozão definiu o placar aos 27 min com o meia Eduardo, que recebeu na área, driblou o zagueiro Vitor Hugo e bateu na saída do goleiro Fernando Leal. O atacante Obina ainda levou o terceiro cartão amarelo por reclamação e vai desfalcar o Coelho no jogo contra o Boa Esporte.

Leia tudo sobre: futebol nacionalaméricacoelhosérie bcampeonato brasileiroceará