Rodrigo Pandolfo terá novo personagem

Intérprete de Shin agora se prepara para viver seu irmão gêmeo, o vilão Chang

iG Minas Gerais |

Shin (Rodrigo Pandolfo) vai ter que enfrentar o irmão bad boy
Globo
Shin (Rodrigo Pandolfo) vai ter que enfrentar o irmão bad boy

São Paulo. O gaúcho Rodrigo Pandolfo interpreta o divertido coreano Shin, em “Geração Brasil” (Globo), e agora fará também seu irmão gêmeo – e de caráter oposto –, Chang. Enquanto Shin está na Coreia para tentar esquecer o casamento de Lara (Elisa Pinheiro) e Brian (Lázaro Ramos), Chang volta para o Brasil a fim de causar.

“Eles são rivais, e o Chang não tem afeto pela Lara. Ele quer criar problemas, acertar contas, vingar-se do irmão e dar uma chacoalhada no que ia bem”, diz Pandolfo. “Ele chega como uma bomba, dizendo que Tomás (Gabriel Palhares) é filho dele e que vai lutar pelo garoto”, afirma o ator.

Por enquanto, os gêmeos não contracenam. “Eles aparecem na mesma cena apenas em sonhos. Fico na expectativa de saber se eles são um ou se são dois”, diz ele, sobre a possibilidade de Chang ser o próprio Shin.

Pandolfo afirma estar adorando o desafio. “É um presente fazer duas personalidades opostas na mesma novela. Na verdade, acabam sendo três, porque o Shin é uma pessoa em frente às câmeras – extravagante e colorido – e outro na vida – mais romântico e humano. Já o Chang é econômico, de gestos curtos, pé no chão e seguro”.

Bad boy. Oposto do simpático Shin, Chang é “bad boy” de gangue de rua. Mestre em lutas marciais, é violento, veste-se de preto e tem uma tatuagem de dragão no peito.

“Ele sente raiva de algo do passado que precisa resolver”, afirma Rodrigo Pandolfo. “Chang não respeita nada. Ele é instintivo, cruel, não tem bondade. Qualquer lado positivo dele é uma máscara”, diz o ator.

Nem o filho, Tomás, escapa do vilão. “Ele se encanta com o pai, que se passa por super-herói. Ele até levita, e há cenas à la ‘Matrix’”, conta Pandolfo.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave