Paul McCartney convida Johnny Depp para jam session em Los Angeles

Ex-beatle e ator improvisaram durante 30 minutos de gravação com ícones do blues; assista ao clipe de "Early Days"

iG Minas Gerais | GUILHERME ÁVILA |

O ator Johnny Depp e o ex-beatle Paul McCartney fazem jam de 30 minutos com ícones do blues
Divulgação
O ator Johnny Depp e o ex-beatle Paul McCartney fazem jam de 30 minutos com ícones do blues
As gravações do mais recente disco do ex-beatle Paul McCartney, "New", renderam uma parceria inesperada. Com a presença do ator Johnny Depp e grandes músicos da decada de 1950, o cantor britânico liderou uma jam session de grandes clássicos do blues com mais de 30 minutos uma sala em Los Angeles.   O resultado pode ser visto abaixo, no clipe de "Early Days". Fazem parte do encontro os bluesmen Roy Gaines, Al Williams, Dale Atkins, Henree Harris, Motown Maurice, Lil Poochie e Misha Lindes. Em entrevista à revista "Rolling Stone", Paul disse que ligou para Depp e disse "Venha pra cá! Vamos sentar e tocar com esses caras do blues". O ator respondeu na hora. "Sabia que era uma oferta que não poderia recusar", disse. 

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave