Luis Fabiano treina, mas não deve voltar na quarta-feira

Técnico Muricy Ramalho acredita que o atacante ainda não está pronto para voltar a equipe titular do São Paulo

iG Minas Gerais | AGÊNCIA ESTADO |

Luis Fabiano não será relacionado para a partida contra o Sport, neste domingo, no Morumbi, pelo Brasileirão
SÃO PAULO/DIVULGAÇÃO
Luis Fabiano não será relacionado para a partida contra o Sport, neste domingo, no Morumbi, pelo Brasileirão

O atacante Luis Fabiano já está treinando normalmente, mas vai ter de esperar para voltar ao time do São Paulo. Além de se esforçar muito para "roubar" a vaga que atualmente é de Alan Kardec. O técnico Muricy Ramalho já deixou claro que, com ele, joga quem estiver melhor e que, como o ex-palmeirense entrou bem no time, no momento a posição é dele.

Muricy prefere agir com calma em relação à recuperação total do artilheiro, mas já avisou que ele vai ter de ralar muito para voltar ao time. "Ele está voltando agora. Nós estamos fazendo treinamento só para ele, em campo reduzido. Agora fizemos um coletivo com meninos da base para ele jogar no campo inteiro", afirmou Muricy, explicando o porquê: "Fiz um coletivo porque ali ele vai começar a ter confrontos, a não pensar na contusão. É aí que a gente vai ver se ele está bom ou não."

Para o treinador, Luis Fabiano ainda não está pronto para voltar ao time. Com certeza ele não será relacionado para partida de quarta-feira, contra o Botafogo, no Estádio Mané Garrincha, em Brasília. "Quanto a essa questão, ele sabe como eu penso, a minha maneira de agir. Não tenho preferência, não aceito nenhum tipo de pressão. Joga quem eu acho que tem de jogar."

Muricy reiterou que procura ser justo com os jogadores. "Se não você não consegue ficar todos os dias com esses caras. Se eu não tiver alguma verdade, não tem como conviver com as pessoas. Não quero saber se é o Pedro ou o João. Se estiver melhor, vai jogar", declarou.

O treinador afirmou que, quando tiver condição de atuar, Luis Fabiano vai ter de esperar a oportunidade aparecer. "Mas do jeito que estão o Pato e o outro (Alan Kardec), ele vai ter de ralar, meu", alertou Muricy que, no entanto, fez uma ponderação. "A gente tem de pensar que ele é um grande goleador. E um grande goleador, a gente não pode deixar de lado."

Leia tudo sobre: SÃO PAULOLUIS FABIANOMURICY RAMALHOALAN KARDEC