Brasil enfrenta algoz Argentina

Quem vencer a partida enfrentará Grécia ou Sérvia pelas quartas da Copa do Mundo

iG Minas Gerais | Josias Pereira |

Boa fase. Giovannoni, Raulzinho e Nenê comemoram vitória sobre a Sérvia pelo grupo A do torneio
Daniel Tejedor
Boa fase. Giovannoni, Raulzinho e Nenê comemoram vitória sobre a Sérvia pelo grupo A do torneio

Hoje é o dia da seleção brasileira masculina de basquete dar seu grito de independência. E para espantar os fantasmas que rondam a geração mais questionada da modalidade nada melhor do que encarar a rival Argentina nas oitavas de final da Copa do Mundo, em Madri, neste domingo, às 17h (horário de Brasília).

Os números diante dos hermanos são cruéis. Em duelos mata-mata contra a Argentina neste século, contando apenas os Jogos Olímpicos e Mundiais, a seleção brasileira não venceu um jogo sequer. Mas o retrospecto não abala a confiança dos jogadores brasileiros, que finalizaram a primeira fase da Copa na segunda posição do Grupo A, e com vitórias sobre França e Sérvia.

“Existe uma forte rivalidade e muita tradição. Enfrentamos os argentinos muitas vezes. Fomos eliminados na Olimpíada por detalhes que, com certeza, dessa vez não iremos cometer”, aponta o pivô Nenê.

Outro fato que sustenta a confiança dos brasileiros é a Argentina passar por uma reformulação em sua equipe, enquanto o Brasil disputa a Copa com seus melhores jogadores. “Estamos com uma equipe completa, com os jogadores em bom estado”, concluiu o treinador Rubén Magnano.

O duelo entre Brasil e Argentina será transmitido pelos canais Sportv3 e ESPN +, e também pela rádio Bradesco Esportes.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave