Intérprete mais madura

Karen Junqueira, que está na trama ‘Império’, mostra que cresceu como artista

iG Minas Gerais |

Karen começou na TV aos 23 anos
Karen começou na TV aos 23 anos

A voz segura e a postura séria de Karen Junqueira expressam o amadurecimento da atriz de 31 anos. Na TV desde os 23, a intérprete da fútil Fernanda, de “Império”, da Rede Globo, sempre soube que precisava ir além de mais um rostinho bonito. Não é à toa que, ao longo dos anos, ela treinou seu olhar em busca de papéis que a tirassem da zona de conforto. “É uma área tão difícil. Não dá para ser mais uma. Quero fazer diferente sempre. Tenho pavor de ouvir: ‘A Karen é sempre a mesma’. Porque isso acontece”, defende a atriz, que acredita que o período de composição seja crucial para diferenciar um trabalho do outro: “Procuro me munir de informações para ampliar minhas possibilidades como artista. Busco uma verdade naturalista dentro do texto do personagem”.

Em sua primeira novela de Aguinaldo Silva, Karen se baseou bastante no texto para incorporar Fernanda. Ainda assim, para se aproximar do universo materialista de sua personagem, buscou referências na série norte-americana “Gossip Girl”. “Retrata bem esse mundo ambicioso, de glamour, luxo, intriga e fofoca em que Fernanda está inserida. Vi várias temporadas”, ressalta ela, que se adaptou fácil ao texto do autor. “Sempre admirei os trabalhos dele. Tem um humor bastante pontual e são personagens muito bem-elaborados e característicos”, diz.

Com o folhetim das nove, Karen emenda seu terceiro trabalho na Globo após ficar cinco anos na Rede Record, onde atuou em produções como “Poder Paralelo” e “Sansão e Dalila”. Autonomia

Desde 2006 na TV, quando estreou em “Malhação”, da Rede Globo, Karen Junqueira colecionou passagens pela emissora carioca, Rede Record e HBO. Atualmente contratada por obra, a atriz acredita que, por não estar atrelada a nenhuma emissora a longo prazo, tenha maior autonomia e diversidade na carreira. “Sou forçada a sair da zona de conforto, fico mais ‘safa’ para o mercado e me preparo muito mais para os testes. Tenho pânico de acomodação”, explica ela. Inclusive, Karen tem como objetivo investir em séries de canal fechado, como GNT e Multishow, principalmente pela Lei da TV Paga, que limita o conteúdo nacional.

Leia tudo sobre: Clique para inserir palavras chave